Top 15 Dicas de Rega para Bombar o cultivo das suas plantas! Todas as dúvidas que você alguma vez teve serão agora respondidas. Você vai ficar fera!

TOP 15 DICAS DE REGA

Você tem dificuldade na hora de regar suas plantas? Tem gente que mata a planta afogada, por que rega demais. Outras pessoas matam a planta de sede, pois regam de menos. Veja agora 15 dicas fantásticas para você nunca mais errar na rega!

 

1. Como saber a quantidade certa de água que a sua planta precisa?

Para as plantas em geral, o melhor é ir regando até começar a sair água pelo fundo do vaso. Assim que sair um pouco de água pelo fundo, pode parar de regar. O substrato já estará cheio de água e sua planta terá uma boa quantidade de água para ir bebendo.

 

2. De quanto em quanto tempo?

Bom, geralmente quando o tempo está quente e/ou seco, no verão e na primavera, regamos 3x por semana e quando o tempo está seco e/ou frio, no inverno e outono, regamos 2x por semana, pois nessa época as plantas entram em repouso vegetativo, uma fase de dormência em que não precisam de muita água.

 

3. Observar: Roupa no varal e toalha no banheiro

Um amigo me ensinou para observarmos as roupas no varal e as toalhas no banheiro. Quando as toalhas de banho e as roupas secam rápido, é sinal de que o ar está quente ou seco e provavelmente  sua planta precisará de mais água.

Quando as roupas e as tolhas demorarem mais para secar, provavelmente as suas plantas irão precisar de menos água.

 

4. Teste do Dedo

Uma outra ótima maneira de saber se a sua planta precisa de água é sentir a terra, fazendo o famoso teste do dedo. Não tenha medo. Enfie o dedo na terra e sinta a terra. Se estiver seca, se seu dedo sair limpo, molhe o substrato. Se estiver a terra estiver molhada, se seu dedo sair “sujo”, espere até o dia seguinte para então fazer novamente o “teste do dedo” e se for o caso, molhar a planta.

Muitas vezes sobre a terra colocamos pedriscos, seixos, casca de pinus para dar um acabamento mais bonito ao vaso e manter a umidade da terra. Nesses casos, afaste o que estiver cobrindo a terra e enfie o dedo dentro dela para sentir se ela está úmida ou seca e proceda como descrito acima. O melhor é colocar o dedo mais na beirada, na borda do vaso.

 

5. Truque do balde

E se você foi viajar e sua planta secou? Talvez ainda dê para salvá-la! Faça o truque do balde que ensino nesse post: Como salvar uma planta.

 

6. Crie uma Rotina

Estabeleça uma rotina de regar as suas plantas. Por exemplo, no verão regue às 2af, 4à e 6afs. Ou então regue, 3af, 5af e 1 dia do final de semana.

E no inverno regue 2af e 6af ou 3af e 6af ou 1 dia no final de semana.

 

7. Melhores horários para regar

Os melhores horários para regar são pela manhã bem cedo até no máximo às 10h ou então no final do dia, depois das 16h, quando o sol já está mais fraco.

Nunca, jamais, em hipótese alguma, regue no meio do dia! Você poderá queimar as folhas da planta e cozinhar as raízes! Sopa de planta não, né? Por favor!

 

8. REGUE A VOLTA TODA DA PLANTA

Na hora em que estiver regando, lembre-se de regar a volta toda do vaso. E não é para regar o pé da planta. É para regar mais para fora, mais na beirada do vaso. As pontas das raízes, que são as partes que “bebem” a água e os nutrientes, ficam mais para fora, na projeção da copa da planta. Então no vaso, é para regar mais na beirada do vaso e regar a volta toda, para que todas as raízes recebam água. No jardim é a mesma coisa!

Atenção: se você regar demais a sua planta, poderá apodrecer as raízes. Se regar de menos, as folhas poderão ficar murchas e manchadas.

Se você mora em regiões frias, utilize água morna para regar suas plantas.

 

9. REGADOR PARA PLANTAS EM VASO

Para regar as plantas em vasos, é melhor é usar um regador, se preferência um de bico longo, pois com ele você conseguirá regar sem fazer uma grande “molhaceira” na sua casa. Afaste as folhas gentilmente para o lado e regue a terra, ao redor da planta. Não regue só num ponto. Regue a volta toda do vaso. Toda a terra do vaso deverá ficar úmida.

 

10. FOLHAS AVELUDADAS

As plantas de folhas aveludadas como as violetas, não gostam de água em suas folhas, então coloque a água diretamente no pratinho, aguarde uns 15 minutos para que a planta absorva a água necessária e depois descarte o que sobrou no prato para não criar condições ao aparecimento do mosquito da dengue.

 

11. AREIA NOS PRATOS

Lembre-se de colocar areia nos pratos dos vasos, para que  o mosquito da dengue não possa colocar seus ovos na água que eventualmente possa sobrar ali.

 

12. BAIXA UMIDADE DO AR

Quando o tempo está seco e a umidade relativa do ar baixa, é importante melhorar as condições de umidade do ar para que a sua planta fique bem e saudável. Para isso, utilize um borrifador com água e borrife a uma distância de meio metro das folhas, formando uma névoa fina que criará uma área de maior umidade. As samambaias, lírio da paz e os antúrios devem ser borrifados diariamente nos dias quentes e secos. Experimente e verá como suas plantas ficarão mais bonitas!

 

13. REGUE O JARDIM COM A MANGUEIRA

A melhor forma de regar as plantas do jardim é com uma mangueira. Se não tiver um regulador de fluxo de água, coloque o dedo na frente da saída da água para que a água saia em forma de chuveirinho. Aqui valem as mesmas dicas: regue toda a volta da planta, na projeção da copa dela. Regue de manhã cedo até às 10h ou no final da tarde, depois das 16h ou até à noite.

 

14. OBSERVE SUA PLANTA

Quando estiver regando aproveite para observar bem a sua planta, conversar com ela, elogiar, dar “bronca” e pedir para ela florir logo… e também verificar se ela não está com nenhum bichinho ou doença. Se notar algum bichinho estranho, aplique um inseticida caseiro. Veja minhas receitas preferidas.

 

15. CACTOS E SUCULENTAS

Tudo isso vale para a maioria das plantas, mas não vale para os cactos e suculentas. Os cactos e suculentas são planta que se adaptaram a viver em regiões desérticas e conseguem armazenar água em seus caules, por isso precisam de menos água para sobreviver e podem ser regados a cada 15 dias quando está quente e/ou seco e a cada 20, 30 dias quando está frio e/ou úmido.

 

ADUBAÇÃO

Importante também lembrar de adubar as suas plantas, pelo menos 3 x por ano: no começo da primavera, do verão e do outono. Só adube no inverno as que florescem no inverno. Dá uma olhada nas dicas de adubação aqui.

 

AAC = Atenção, amor e carinho!

Lembre-se de que as plantas adoram AAC: atenção, amor e carinho! Esses são os maiores segredos do sucesso de cultivo de plantas! Converse com a sua planta. Diga o quanto você a ama e como ela é importante para você! Quem não gosta de atenção, amor e carinho?

 

Terapia

Eu costumo regar minhas plantas à noite e espairecer minha cabeça dos problemas do dia a dia. Acho uma santa terapia! E você, que horas costuma regar as suas plantas? Conta para mim nos comentários abaixo

 

Faça parte da minha Lista VIP e ganhe 2 e-books!

E você pode se inscrever aqui no site, fazer parte da minha lista VIP e ganhar 2 e-books!

Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: [email protected] e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

ESTRÉIA DE VÍDEOS NO YOUTUBE

Agora é possível programar uma estréia no Youtube. Então uns dias antes da 5af e do domingo eu já posto no canal a miniatura do vídeo que será postado. Aquela fotinho da capa do vídeo. E você pode clicar ali para receber um lembrete avisando que o vídeo irá começar. É muito legal saber antes o assunto do vídeo que irá ao ar, né?

Instagram

Siga-me no instagram. Procure por @nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Beijos floridos com amor, carinho e gratidão da Nô Figueiredo

Guirlanda de flores com "NÔ" escrito no centro