Posts Tagged "tagetes"

As PANCs da minha Horta com Bia do Mato no Prato

As PANCs da minha Horta com Bia do Mato no Prato

Descubra comigo as PANCs da minha horta, com a ajuda da Bia (Beatriz Carvalho) e o Arthur Rodrigues do Mato no Prato! Aposto que na sua casa também tem!

As PANCs da minha horta!

Caruru

O caruru (Amaranthus deflexus), é um parente do Amaranthus, e também é conhecido por caruru-rasteiro, bredo, bredo-rasteiro, pigweed, yuyu yuyo. O amaranto é super valorizado fora do Brasil e agora está começando a ser descoberto pelos brasileiros.

Podemos consumir tanto as folhas jovens refogadas como as sementes. O caruru é riquíssimo em: cálcio, magnésio, manganês, fósforo, ferro, sódio, potássio, cobre e zinco. Além tem muita fibra e proteína. E tem ainda as vitaminas: riboflavina, piridoxina e vitamina C. As sementes tem 17,2% de proteínas e podem ser consumidas como pseudocereal.

Na minha horta tinha muito caruru, o que segundo a Bia, significa que o solo está riquíssimo em matéria orgânica.

 

Almeirão-Roxo

Almeirão-roxo

 

Veja mais sobre o almeirão-roxo (Lactuca canadensis).

 

Quebra-pedra

O quebra-pedra (Phyllanthus tenellus)  é uma planta super comum nas lavouras, hortas e calçadas. Ele é mais utilizado como medicinal do que como PANC mesmo. E com ele se que faz o famoso chá de quebra-pedra.

quebra-pedra

 

Serralha

serralha

Serralha

A serralha (Sonchus oleraceus) cresce alongada e pode atingir até 70, 80cm de altura. Diferente do dente-de-leão, que fica mais rasteiro. As folhas podem ser consumidas cruas ou cozidas e possuem o sabor semelhante ao espinafre. As flores também são comestíveis. É uma planta super nutritiva e cheia de nutrientes!

 

Trevo

O trevinho (Oxalis latifolia) é azedinho e ótimo para ser usado em saladas! Saiba mais aqui. Só não exagere na quantidade porque ele tem oxalato e algumas pessoas são mais sensíveis. É melhor não comer todo dia. Coma 1x por semana.

trevo

 

Tiririca

tiririca

 

Esse matinho é tiririca (Cyperus esculentus) e seu bulbo (batatinha) é comestível, sabia?

 

Tagetes

As flores do tagetes (Tagetes patula) são comestíveis e essa planta protege a horta! Saiba mais aqui.

Tagetes

 

Peixinho-da-horta

Peixinho-da-horta

 

O peixinho-da-horta (Stachys byzantina) ficou famoso como um petisco, um prato que a gente pode fazer empanadinho, frito. Podemos fazer maionese dele, fazer uma pastinha, processe junto com uma salsinha, uma cebolinha ou com alguma outra PANC que seja bem aromática. Se for fazer refogado, pique bem por que ele é muito fibroso.

 

Pé-de-burro

Ou Centella asiatica, que é da família da salsinha, super perfumada e serve para substituir a salsinha como tempero. Algumas pessoas confundem com a capuchinha, porque as folhas tem um formato semelhante. A folha da centelha tem um cortezinho, formando um coração.

Centella asiatica ou pé-de-burro

 

Hibisco

Hibisco

 

O hibisco a gente tem muitas vezes como ornamental, mas vale a pena lembrar também que todos os hibisco são comestíveis. Então como a flor não dura muito tempo, antes que ela caia a gente pode colher e fazer um prato bem bonito, bem colorido com ela. E as folhas também são comestíveis. Saiba mais aqui.

 

Begônia-asa-de-dragão

Begônia asa de dragão - foto: Leonardo Ronqui

Begônia asa de dragão – foto: Leonardo Ronqui

 

As flores dessa linda begônia são comestíveis! Saiba mais aqui.

 

Trapoeraba-rosa ou Lambari-rosa

Lambari-rosa

Lambari-rosa

 

Podemos usar as folhas dessa planta para fazer uma limonada rosa, uma água aromatizada com ela dentro, para colorir.

 

Eu espero que vocês tenham gostado de conhecer mais as PANCS que eu tenho no meu jardim. Agradeço a Bia e o Arthur por todo o conhecimento passado! E fiquem de olho que domingo que vem eu vou continuar com a Bia, vamos passear perto de casa e vamos ver as PANC nas calçadas.

E aí? O que você achou? Gostou de aprender mais sobre as PANCs com a Bia? Conta para mim nos comentários abaixo.

 

Conheça mais sobre o trabalho da Bia e do Arthur:

Instagram: @matonoprato 

Site: matonoprato.com.br

Youtube: matonoprato

 

Faça parte da minha Lista VIP e ganhe 2 e-books!

E você pode se inscrever aqui no site, fazer parte da minha lista VIP e ganhar 2 e-books!

Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

 

ESTRÉIA DE VÍDEOS NO YOUTUBE

Agora é possível programar uma estréia no Youtube. Então uns dias antes da 5af e do domingo eu já posto no canal a miniatura do vídeo que será postado. Aquela fotinho da capa do vídeo. E você pode clicar ali para receber um lembrete avisando que o vídeo irá começar. É muito legal saber antes o assunto do vídeo que irá ao ar, né?

 

Instagram

Siga-me no instagram. Procure por @nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Tagetes: a flor que protege a sua horta!

Tagetes: a flor que protege a sua horta!

Conheça a tagetes: Uma flor comestível, que atrai abelhas e borboletas, enfeita e ainda defende a horta! Uhuuu! Demais, né?

Tagetes: a flor que protege a sua horta!

Tagetes

A tagetes, também é conhecida por cravo-francês, cravo-de-defunto, flor-de-estudante, cravo-africano, cravo-amarelo e tagetes-anão. Na verdade, algumas plantas parecidas e da mesma família são popularmente conhecidas por esses nomes. Geralmente são as “Tagete erecta” e “Tagete patula“. As Tagetes são plantas eretas, de caule curto e bastante ramificadas.

 

Tagetes erecta

A Tagetes erecta, tem flores pequenas, dobradas e que aparecem principalmente na primavera e no verão. A forma das flores lembra o cravo.

A planta atinge de 60 a 90cm de altura. É originária do México e é muito usada na festa dos Mortos ou plantadas nos cemitérios, por isso ficou conhecida como cravo-de-defunto. Sua folhagem tem um cheiro característico. Mas atualmente já desenvolveram cultivares sem cheiro. Pode ser cultivada por todo país. Multiplica-se por sementes o ano todo, principalmente na primavera e verão.

Fica linda quando cultivada formando maciços em canteiros a pleno sol. Gosta de substrato com bastante matéria orgânica, bem drenado e irrigado periodicamente.

Pode ser cultivado em todo Brasil. Suas flores são muito utilizadas como flor de corte para compor arranjos florais.

 

Tagetes Patula

A Tagetes patula é originária da América do Norte, principalmente do México. Seu porte é um pouco menor. Ela atinge de 20 a 30cm de altura.

As flores são densas e podem ser simples ou dobradas. São solitárias, ou seja, nascem uma na ponta de cada ramo. E as cores variam entre o amarelo, alaranjado e marrom-avermelhado.

Ela fica linda em bordaduras ou formando conjuntos em jardins a pleno sol.

Gosta de terra rica em matéria orgânica, bem drenada e irrigada periodicamente.

Tagetes patula – foto: Leo Ronqui

Tagetes patula – foto: Leo Ronqui

Tagetes patula – foto: Leo Ronqui

 

Planta flexível!

Essas tagetes são umas das poucas plantas anuais que podem ser cultivadas durante o verão em regiões tropicais. Alô pessoal do Norte e Nordeste que gosta de flor! Prestem atenção nessas flores. Elas vão bem nos trópicos! E também vão bem nas regiões de altitude do sul do país! Ô plantinha flexível essa! Gostei!

E também é fácil de ser multiplicada por sementes em qualquer época do ano.

 

Ciclo de vida curto

Tagetes são plantas herbáceas e anuais. Ou seja, nascem, crescem, se desenvolvem, florescem e morrem dentro do período de um ano. É assim, por que esse é o ciclo de vida dessas plantas.

 

Protetoras das plantas!

Gostou? Tem mais! Sabia que as tagetes ajudam a proteger as plantas? Principalmente as ervas e temperos?

Pois é, no solo às vezes existem nematóides que são fitoparasitas (uma espécie de vermes minúsculos) que atacam as hortaliças, principalmente as partes subterrâneas como as raízes, bulbos, tubérculos e rizomas (causando deformações) e também os órgãos aéreos (como caule, folhas e sementes) que acabam apresentando sintomas que são muitas vezes confundidos com falta de minerais e outros nutrientes.

 

Nematóides

Esses nematóides ao se alimentarem, penetram e se movimentam pelos tecidos das plantas, causando danos e permitindo a entrada de viroses e outras doenças. Mas não é só isso. Eles ainda retiram nutrientes da planta para se alimentar. E injetam substâncias que tem ação tóxica nas plantas. Sugam os nutrientes ainda intoxicam a planta! Safados esses nematóides, né?

 

super tagetes em ação!

É aqui que entram em ação as super tagetes! Suas raízes liberam uma substância chamada alfatertienil que tem ação tóxica sobre os nematóides. Quando plantamos tagetes na horta, é como se plantássemos soldadinhos que irão proteger as nossas plantas, repelindo e intoxicando os nematóides do solo. Impedindo assim que eles ataquem as plantas. Você já tinha se dado conta de quanta coisa acontece dentro da terra???

Mas não é só no solo que as tagetes atuam! As folhas e flores também ajudam a repelir alguns insetos e/ou pragas. E ainda atraem as moscas das flores que se alimentam das pragas como pulgões e além de abelhas e borboletas adoram coletar o pólen de suas flores.

Como as tagetes demoram uns 3 meses para crescer e liberar essa substância repelente, plante-as antes de começar a horta, ou logo no início.

 

inseticida de tagetes

E dá para fazer um inseticida de Tagetes:

Ingredientes: 1 kg de folhas e/ou talos de tagetes e 10 litros de água.

Preparo: Misture 1 kg de folhas e/ou talos de tagetes em 10 litros de água, leve ao fogo e deixe ferver durante meia hora ou então deixe de molho (picado) por dois dias.

Aplicação: Coe o caldo obtido e pulverize as plantas atacadas.

Mas se eu fosse você, eu faria outro inseticida, algum dos que ensino aqui e usaria as flores para comer…

 

Comestíveis???

Pois é, as flores das tagetes são comestíveis e as folhas podem ser usadas como tempero, por isso ela é considerada uma PANC, uma planta alimentícia não convencional. Saiba mais sobre as PANC aqui.

As flores apresentam um leve perfume de limão e tem um gosto levemente amargo. As pétalas podem ser usadas em saladas, sopas, molhos, pudins, bolos e pães. Substituem muito bem o açafrão.

 

Veja mais sobre plantas comestíveis aqui.

 

E aí? O que você achou? Você já conhecia as tagetes? Qual é a sua experiência com elas? Conta para mim nos comentários abaixo.

 

Faça parte da minha Lista VIP e ganhe 2 e-books!

E você pode se inscrever aqui no site, fazer parte da minha lista VIP e ganhar 2 e-books!

Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

 

ESTRÉIA DE VÍDEOS NO YOUTUBE

Agora é possível programar uma estréia no Youtube. Então uns dias antes da 5af e do domingo eu já posto no canal a miniatura do vídeo que será postado. Aquela fotinho da capa do vídeo. E você pode clicar ali para receber um lembrete avisando que o vídeo irá começar. É muito legal saber antes o assunto do vídeo que irá ao ar, né?

 

Instagram

Siga-me no instagram. Procure por @nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Compre sementes de tagetes na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Jardim Residencial – Horta no corredor

Jardim Residencial – Horta no corredor

Sabe aquele corredor esquecido, perto da área de serviço?

Pois é, ele agora virou a sensação da casa! Olha que linda que ficou essa horta!

E para separar cada tempero, utilizamos os tagetes ou cravo-de-defunto (Tagetes erecta L. e Tagetes patula L.), uma planta herbácea, anual, ereta, que pode atingir até 1m de altura. Suas folhas têm um cheiro forte e as flores são pequenas, em tons amarelos e alaranjados. A propagação se faz pela germinação das sementes.


 

O tagetes possui uma substância eficaz no controle de larvas de mosquitos. As raízes dessa planta secretam susbtâncias que fazem com que os nematóides e lesmas não ataquem as plantas ao seu redor.

Os tagetes, além de enfeitarem a horta e protegerem os temperos dos ataques de nematóides e lesmas, ainda podem ser utilizados para fazer pulverizações nas outras plantas da sua casa para repelir insetos.

 

Pulverização de Tagetes:
Ingredientes: 1 kg de folhas e/ou talos de tagetes e 10 litros de água.
Preparo: Misture 1 kg de folhas e/ou talos de tagetes em 10 litros de água, leve ao fogo e deixe ferver durante meia hora ou então deixe de molho (picado) por dois dias.
Aplicação: Coe o caldo obtido e pulverize as plantas atacadas.

 

E o bacana é que esses caixotes têm o fundo falso para a água infiltrar direto no solo! Além disso, os temperos ficam numa altura agradável para colher e cuidar.

Ah, essa tinta preta do lado de dentro é neutrol, um impermeabilizante que foi usado para que a umidade da terra não passe para a madeira.

 

 Antes era assim… Sem graça, né?

 

Esse jardim foi projetado e executado com a paisagista Anna Luiza Moraes, minha mãe.

Para ver mais fotos desse jardim acesse o álbum no Flickr: Horta no corredor

Referência bibliográfica: Felippe, Gil. Venenosas: plantas que matam também curam. São Paulo: Editora Senac, 2009.

Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

Beijos floridos de gratidão,
Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde
Conexão com a natureza