Posts Tagged "revista bons fluidos"

Como Cultivar Cactos e Suculentas! Live – Bons Fluidos

Como Cultivar Cactos e Suculentas! Live – Bons Fluidos

Veja as dicas de cultivo de cactos e suculentas nesse bate-papo ao vivo com a querida Izabel Duva Rapoport na página da revista Bons Fluidos no Facebook.

COMO CULTIVAR CACTOS E SUCULENTAS – LIVE: BONS FLUIDOS

QUAL É A DIFERENÇA ENTRE CACTO E SUCULENTA?

Todo cacto é uma suculenta, mas nem toda suculenta é cacto. As suculentas são uma grande família de plantas capazes de armazenar água em seu interior.

As suculentas em geral conseguem sobreviver à falta de água e excesso de luz. São plantas capazes de armazenas umidade no tecido carnudo de seus caules, folhas e raízes e que desenvolveram sistemas de redução de perda de água.

A principal diferença entre suculentas e cactos é que os cactos possuem aréolas, que são pequenos círculos salientes de onde nascem rebentos, espinhos e flores.

Os espinhos servem para proteger os cactos de serem comidos por animais, promover sombra do sol intenso e impedir a circulação de ar pela epiderme da planta evitando a perda de água.

 

QUAL É O SUBSTRATO IDEAL PARA O CULTIVO DE CACTOS E SUCULENTAS:

O substrato ideal é composto de:

2 medidas de areia (areia de construção. Não pode ser areia de praia por que tem muito sal!)

1 medida de terra

1/2 medida de humus de minhoca

 

E o vaso deverá ter um bom sistema de drenagem para evitar o apodrecimento das raízes, por isso coloque no fundo do vaso argila expandida (pode ser também pedrisco, brita e até isopor!) e manta de drenagem ou areia.

Para dar acabamento no vaso, é importante cobrir a terra com pedrisco para ajudar a conservar a umidade da terra, evitando que a superfície seque; eliminar as ervas daninhas e impedir o nascimento de musgos; reduzir a erosão do solo e evitar que respingue água nas plantas durante a rega.

 

COMO REGAR CACTOS E SUCULENTAS:

Essas plantas se adaptaram a viver em locais onde quase não chove então elas precisam de pouca água. Durante os meses quentes da primavera e verão, regue a cada 10 ou 15 dias. E nos meses mais frios e secos, regue a cada 20 ou 30 dias. Evite regar em excesso para que as raízes não apodreçam. Durante a fase de dormência, no inverno, eles necessitam de muito pouca água.

 

COMO LIMPAR AS PLANTAS:

As plantas com espinhos podem se encher de pó, principalmente na cidade de São Paulo. Além de ficarem feias, essa camada de pó e poluição impede a planta de fazer fotossíntese, o que acaba por prejudicar seu desenvolvimento. Com um pincel macio e bastante cuidado, você pode limpar as pequenas concavidades da sua planta. Pode também usar um secador de cabelos na posição FRIO, mantendo-o a uma distância de uns15 a 20cm da planta.

 

MANUTENÇÃO E PODA

Depois da floração, quando as flores ficarem murchas, arranque-as delicadamente com os dedos para manter a beleza e a saúde de sua planta.

Folhas e ramos secos ou danificados são uma porta de entrada para doenças e infecções. Portanto é necessário remover essas partes estragadas para manter a sua planta em boas condições.

 

DOENÇAS

As plantas cultivados em condições deficientes de temperatura e umidade, ou que tenham raízes frágeis, podem ser atacados por ferrugem. O fungo penetra na pele e ataca os tecidos da planta, que amolece e acaba por ficar negro. Se isso acontecer aos seus cactos, corte os caules saudáveis para usar como estacas e destrua o resto. Se a ferrugem atacar plantas cultivadas no exterior, aplique sulfato de cobre.

 

Veja mais sobre CACTOS E SUCULENTAS.

E ai? Você já cultivou cactos e suculentas? Qual é a sua experiência com eles? Conta para mim nos comentários abaixo.

Jardineira autoirrigável da loja Toca do Verde

Gosto dessa jardineira autoirrigável que mostrei no vídeo? Você pode comprá-la na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Como Fazer Adubo para Plantas – Bons Fluidos

Como Fazer Adubo para Plantas – Bons Fluidos

Aprenda como fazer adubo para plantas nesse vídeo que fiz para o instagram da revista Bons Fluidos:

Quer aprender um receita de adubo para suas plantas? Nossa colunista Nô Figueiredo, responsável pela seção Jardim, explica direitinho esse passo a passo.

Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

 

Beijos floridos de gratidão,
Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde
Conexão com a natureza
logoMDVrosamidia27out2011
Lavanda: dicas de cultivo na revista Bons Fluidos de outubro!

Lavanda: dicas de cultivo na revista Bons Fluidos de outubro!

Agora virei consultora oficial da Revista Bons Fluidos e todo mês tem dicas minhas de cultivo de alguma planta. Na revista de outubro foi a vez da querida lavada!

Fiz até um videozinho contando sobre os benefícios dela:

 

E aqui tem as dicas na revista:

Dicas de Cultivo de Lavanda da Nô Figueiredo para a revista Bons Fluidos

 

Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

 

 

Beijos floridos de gratidão,
Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde
Conexão com a natureza
Como cultivar Gardênia – revista Bons Fluidos

Como cultivar Gardênia – revista Bons Fluidos

Olha que legal, mais uma dica minha para a revista Bons Fluidos. Dessa vez é sobre a bela gardênia (Gardenia jasminoides), cuja fragrância está presente em diferentes frascos de perfume, inspira a amorosidade e, simbolicamente, estimula o diálogo no blog da revista Bons Fluidos com texto de Nina Campos:
 

A bela gardênia | Crédito: iStock

Local

“A perfumada flor de pétalas brancas deve ser cultivada a pleno sol, em ambientes com alta umidade do ar e longe de ventos fortes e frios”, informa a paisagista Nô Figueiredo, de São Paulo.

 

Plantio
Pode ser plantada em grupos formando belas cercas vivas (solo ligeiramente ácido e com bastante matéria orgânica). Também fica bem plantada em vaso grande e é ótima para bonsai.

 

Rega
Essa planta ornamental (há variedades de flores simples ou dobradas) gosta de regas regulares. “O substrato deve ser mantido ligeiramente úmido, mas não encharcado”, lembra Nô.

 

Poda
O momento ideal para a poda é após a floração, que ocorre em meados da primavera e início do verão. No outono e no inverno suas folhas amarelam e caem, rebrotando na estação seguinte.

 

Adubação
“A recomendação é fazer no começo da primavera, do verão e do outono com adubo de minhoca. Se quiser, pode complementar com adubação química: NPK 4-14-8”, diz a profissional.

 

 

 

 

Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

 

 

Beijos floridos de gratidão,
Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde
Conexão com a natureza
Como Cultivar trepadeira Jasmim dos Poetas – Revista Bons Fluidos

Como Cultivar trepadeira Jasmim dos Poetas – Revista Bons Fluidos

Confira as minhas dicas para a revista Bons Fluidos de julho:

Dicas da Nô Figueiredo para a revista Bons Fluidos de julho 2016

E para completar minha alegria, finalmente a minha trepadeira resolveu florir!

Jasmim dos Poetas (Jasminum polyanthum) – foto: Nô Figueiredo

Essa linda trepadeira chamada popularmente de Jasmim dos Poetas (Jasminum polyanthum) é originária da China.

 

Ela deve ser cultivada a pleno sol e é ótima para ser apoiada em colunas e pilares, revestir cercas, grades e pórticos. Seus ramos são bem flexíveis e se enroscam no suporte. Não é uma trepadeira do tipo que gruda na parede. Ela precisa ser conduzida para onde queremos que ela vá. É uma trepadeira fácil de ser conduzida e que não precisa de muita poda de contenção.

 

É uma planta semi-herbácea e que tem um crescimento moderado. Sua ramagem e florescimentos são muito decorativos. Suas flores são muito perfumadas. São brancas por dentro e rosadas por fora:

 

E aparecem durante o outono e o inverno. Em regiões de altitude ou de clima mais ameno ela floresce mais intensamente.

Jasmim dos Poetas (Jasminum polyanthum) – foto: Nô Figueiredo

Para multiplicá-la faça estacas com as pontas dos ramos após a floração e deixe-as enraizar em local protegido.

 

Essa é a capa da Revista Bons Fluidos onde saiu a matéria:

Capa da revista Bons Fluidos de julho 2016Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

 

 

Beijos floridos de gratidão,
Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde
Conexão com a natureza