Posts Tagged "NYC"

As plantas morrem no inverno em NY?

As plantas morrem no inverno em NY?

As plantas morrem no inverno em NY? A paisagista Nô Figueiredo ensina sobre o repouso vegetal e mostra como ficam as plantas no inverno em Nova York e no High Line Park.

As plantas morrem no inverno em NY?

Sabia que as estações do ano são invertidas no hemisfério norte? Pois é, quando é verão aqui, é inverno lá. Quando é outono aqui, é primavera lá. Quando é inverno aqui, é verão lá e quando é primavera aqui, é outono lá.

 

O OUTONO

Quando chega o outono no hemisfério norte, a maioria das plantas e as árvores, perde as suas folhas, para se preparar para sobreviver durante o longo e frio inverno.

 

O INVERNO

Durante o inverno, o sol nasce mais tarde e se põe mais cedo. O dia fica mais curto. As temperaturas caem e muitas vezes ficam abaixo de zero. Em muitos locais é comum nevar.

Então as plantas entram no que chamamos de repouso vegetal.

Como eu mostrei no vídeo acima, as plantas parecem mortas, né? Mas não estão. É como se elas fossem a Bela Adormecida, e caíssem no sono. Quando a primavera chegar, elas vão lentamente acordando e voltando à vida. Algumas plantas realmente morrem, pois elas tem um ciclo curto, mas as árvores e muitos arbustos, rebrotam na primavera.

 

A PRIMAVERA

A primavera é uma festa! As folhas começam a nascer, na semana seguinte as árvores já estão cheias de folhas, passa mais uma ou duas semanas estão cheias de flores e depois de frutos! É emocionante ver a vida de volta! Os pássaros cantando, os animais aparecem… Lindo demais!

 

NO BRASIL

Aqui no Brasil a gente é muito abençoado. A gente tem verde o ano todo. Tem regiões que nem frio tem. O povo não sabe, nem precisa usar casaco.

Mas mesmo que mora nas áreas que fazem mais frio aqui no Brasil, é privilegiado! Nosso inverno é colorido com as flores das azaléias, dos ipês, dos manacás-da-serra-anão… Nunca ficamos sem verde.

 

REPOUSO VEGETAL

Apesar de não termos um frio forte aqui no Brasil, as plantas que não florescem no inverno, entram em repouso vegetal. Nesse período elas ficam como que dormindo. Não crescem, não se desenvolvem e não precisam de tanta água nem de adubação.

 

E aí? Como é o inverno na sua região? Você já observou que muitas plantas param de se desenvolver nesse período? Conta para mim nos comentários abaixo.

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

Siga-me no instagram e no facebook. Procure por nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Só podia ser em NY: 1o Parque Subterrâneo do mundo!

Só podia ser em NY: 1o Parque Subterrâneo do mundo!

Pois é, estão querendo aproveitar uma estação de metrô abandonada para fazer um parque subterrâneo. É o que conta a repórter Thais Bilenky de Nova York para a Folha de São Paulo hoje:

A Delancey Essex é uma das estações de metrô que fazem jus à fama do transporte público de Nova York: é caótica e suja, mas eficiente.

Parte das 4,3 milhões de pessoas que usam diariamente o metrô nova-iorquino passa por essa estação, que tem quatro linhas diferentes.

Mas nem todos sabem que ali, atrás de um tapume pichado, há cerca de 4.000 metros quadrados abandonados que podem vir a ser o primeiro parque subterrâneo do mundo:

Estação abandonada – Proyecto Lowline/Efe

Um grupo de moradores da cidade negocia com a prefeitura a construção de uma área verde aberta à população.

O projeto foi batizado de Lowline, uma brincadeira com o nome da passarela suspensa arborizada de Nova York, o Highline:

Proyecto Lowline/Efe

ORIGENS

Em 2009, o arquiteto James Ramsey imaginou maneiras de tornar a cidade mais verde e acolhedora.

Descobriu a existência do espaço que, entre 1908 e 1948, serviu como estação de trólebus e estava sem uso. Pensou que daria um parque e tanto.

O desafio seria fazer qualquer planta sobreviver sem exposição a raios de sol.

Ex-funcionário da Nasa, a agência espacial americana, Ramsey criou uma tecnologia para resolver o problema.

A luz solar deverá ser captada e transmitida para o subsolo por meio de fibra ótica. Uma cúpula distribuirá a luz para o ambiente, possibilitando a fotossíntese das plantas.

Ramsey então contou a ideia a um amigo, Dan Barasch, que estava criando projetos para expor obras de arte no metrô de Nova York. Nascia o Lowline.

 

“REPUGNANTE”

Se conseguirem aprovação da prefeitura, os sócios ainda terão outro desafio. Convencer a população.

“A estação tem ratos, é suja e repugnante”, reage Richard Jenasku, 44, que trabalha na construção civil.

“O último lugar em que eu poria um parque seria aqui em baixo. Tem tantos lugares melhores lá fora.”

O estudante Kevin Moreira, 26, discorda. Para ele, as pessoas vão a Nova York para descobrir novidades.

As negociações com a prefeitura vão bem, diz Robyn Shapiro, uma das diretoras do projeto.

Mas a cidade ainda não autorizou o uso do terreno. E esbarra na burocracia para enquadrar um espaço subterrâneo como um parque, o que exigiria, pela definição oficial, que estivesse a céu aberto.

A equipe quer inaugurar o Lowline até 2020. Até lá, passarão por outra prova de fogo. Em setembro, abrirão uma exposição em ambiente fechado para testar a tecnologia e a sobrevivência das plantas.

A mostra custará US$ 200 mil, que foram arrecadados na internet.

O Lowline, se sair do papel, custará US$ 60 milhões, a serem captados em campanhas on-line e junto ao governo.

Uma coisa já está provada, diz Shapiro. “O Lowline mostra o poder de novas tecnologias para melhorar a vida urbana. Se estamos conseguindo construir um parque subterrâneo, imagine o que mais seremos capazes de fazer.”

 

Confesso que acho a ideia bem maluca, mas muito legal! Parece filme de ficção científica. E se tem algum lugar no mundo para testar essa ideia, esse lugar é Nova York! E você, o que acha?

 

Matéria na Folha de SP dia 26 de julho de 2015: NY planeja fazer em estação do metrô o 1º parque subterrâneo do mundo

 

 

Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

 

Beijos floridos de gratidão,
Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde
Conexão com a natureza