Posts Tagged "Idéias sustentáveis"

Escolas ensinam a meditar!

Escolas ensinam a meditar!

Experiências e estudos científicos mostram que práticas de meditação e atenção plena podem melhorar o equilíbrio, ampliação do foco, diminuição do estresse e melhoria dos níveis de atenção, aprendizagem e relacionamento, entre outros benefícios. Esses conhecimentos estão se tornando cada dia mais populares e algumas escolas do Espírito Santo e de Florianópolis estão adotando a meditação como parte do curriculum escolar.

No Espírito Santo, a Secretaria de Educação, em parceria com o Instituto Migliori, o Ministério Público do Estado e a ArcelorMittal, iniciaram o projeto “Educação em Valores, Desenvolvimento Humano e Cultura de Paz”.

O projeto inclui meditação no currículo escolar, além de desenvolvimento da inteligência emocional, capacidade de concentração e de se relacionar com os outros. O método foi implantado em 15 escolas de Vitória durante o ano de 2015, depois de um piloto realizado com duas escolas do município de Serra, em 2014.

Em entrevista ao Portal Namu, a neuropsicóloga e pesquisadora Regina Migliori, responsável pelo projeto, conta que 380 professores vão impactar cerca de 10.500 estudantes e suas respectivas famílias, porque o programa envolve os estudantes, os educadores, as famílias e a escola como um todo, ou seja, toda a comunidade escolar.

“Nós trabalhamos com os seguintes eixos: ATENÇÃO e EMOÇÕES, que formam o mundo interno; APRENDIZAGEM, que é a instância mediadora entre o mundo interno e o mundo externo; CONVIVÊNCIA e DECISÃO, que se referem às ações no mundo. Esses cinco pontos são trabalhados a partir de outras quatro potencialidades humanas. A FELICIDADE, como um estado natural da nossa consciência, e não uma felicidade subordinada às causas e condições; o AMOR, essa habilidade de promover a felicidade, de aspirar à felicidade dos outros; o ALTRUÍSMO, que está enraizado nessa capacidade de empatia, que é conseguir se transportar para a posição do outro, entender o que ele está sentindo, pensando, e encontrar a melhor forma de interagir; e a ÉTICA, que é a capacidade de produzir o bem comum.” – Regina Migliori

A professora de educação física da escola municipal Lupércio Belarmino da Silva em Florianópolis, Rosângela Martins dos Santos, 49, propôs a meditação através do método Yoga na Educação, criado pela francesa Michelina Klak e pelo suíço Jacques De Coulon, para ajudar os alunos a lidarem com ansiedade e estresse. Segundo ela:

“A meditação desperta o que existe de melhor nas crianças. Não apenas força, coordenação, flexibilidade, que normalmente são os resultados de exercícios físicos, mas consciência, criatividade e um sentimento de pertencimento, de inclusão”

Ela também utiliza um outro método chamado Meditação para Paz, desenvolvida pela indiana Anmol Arora. A experiência é simples. Os alunos formam um círculo, inspiram e expiram profundamente, depois repetem em voz alta: “eu estou em paz”, “minha família e meus amigos estão em paz”, “minha escola está em paz”.

A meditação trabalha o ritmo da respiração, trazendo mais quietude e foco ao praticante.

“Existe algo essencial para vida, que ao nascer já sabemos, mas que com passar dos anos as pessoas desaprendem: respirar. A respiração é um caminho para dentro,  depois que me conheço, estou pronto para conhecer o mundo, que também sou eu” – Rosângela Martins dos Santos

Fiquei muito feliz quando li sobre essas iniciativas! Finalmente as pessoas estão começando a perceber os efeitos maravilhosos que essa prática traz à nossa vida e para a vida do nosso querido Planeta Terra!

 

Compartilho com vocês um videozinho do meu sobrinho que faz meditação. Postei esse vídeo na página da Menina do Dedo Verde no natal de 2013:

 

Faço meus os Desejos de Natal e de Ano Novo do meu sobrinho lindo! Beijos floridos,Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verdeww.ameninadodedoverde.com.br

Posted by A Menina do Dedo Verde on Terça, 24 de dezembro de 2013

 

Martim fazendo meditação

Para saber mais acesse:

http://nossacausa.com/escolas-espirito-santo-adotam-meditacao-no-curriculo-escolar/

http://www.namu.com.br/materias/revolucao-nas-escolas-do-espirito-santo

http://educacao.uol.com.br/noticias/2015/08/31/escola-publica-de-floripa-incentiva-cultura-de-paz-atraves-da-meditacao.htm

 

 

Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

 

Beijos floridos de gratidão,
Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde
Conexão com a natureza

Murillo Antonio no Quadro Verde do Bom Dia SP

Murillo Antonio no Quadro Verde do Bom Dia SP

Murillo Antonio, vencedor do Concurso da Menina do Dedo Verde, foi entrevistado pela Ananda Apple do jornal Bom Dia SP da TV Globo:

 

Clique na foto para ver a entrevista do Murillo Antonio

Desejo que todos os sonhos do Murillo se realizem! E que ele tenha muito sucesso sempre!

 

Que as sementes de amor à natureza que ele planta se multipliquem cada dia mais!

 

Acesse o grupo Amigos de Verde que ele criou: https://www.facebook.com/amigosdoverdenatur e amigosdoverde123@hotmail.com

Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

 

Beijos floridos de gratidão,
Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde
Conexão com a natureza

Lindo gesto de amor à natureza!

Lindo gesto de amor à natureza!

Fiquei encantada quando li esse matéria que a Giuliana Capello da revista Arquitetura e Construção escreveu em março de 2015 e resolvi compartilhar aqui no blog:

foto: divulgação

“Reflorestadas voluntariamente, as margens de um rio canalizado mudaram a paisagem do bairro da Penha, em São Paulo, e fizeram vizinhança e prefeitura entenderem o valor do cuidado com as águas.”

 

É comprovado que a vegetação fortalece as nascentes e os rios urbanos; melhora a qualidade do ambiente; e garante uma cidade mais agradável de viver. Foi pensando nisso que, em 2003, o empresário Hélio da Silva, morador da Penha, na zona leste paulistana, decidiu plantar mudas nas margens retificadas do Riacho Tiquatira. Sonhava com um bairro melhor para o neto no futuro.

Anos antes, o rio fora canalizado para dar lugar ao asfalto de uma das principais avenidas da região. “A faixa de terra entre a água e a rua deveria ter mata ciliar para proteger o córrego, mas estava abandonada – parecia um lixão. E as pessoas a usavam para estacionar carros e frequentar as lojas do outro lado da via”, conta.

Depois de quatro anos de plantios semanais (a maioria de espécies da Mata Atlântica), a iniciativa individual chamou a atenção da prefeitura, que, em 2007, transformou o novo corredor arborizado, com 3 km de extensão, no Parque Linear Tiquatira, o primeiro do gênero na metrópole.

Mas Hélio não parou. Hoje, as mais de 17 mil árvores enraizadas por ele dividem espaço com os visitantes, que caminham sob sombra fresca. “Quero chegar à marca das 50 mil. Precisamos do verde para salvar a vida de nossos cursos d’água e, assim, devolver este recurso natural à cidade”, conclui.

NOVA ÁREA DE LAZER
Com 320 mil m², o Parque Linear Tiquatira virou exemplo de revitalização urbana

Resgate da Biodiversidade: ao longo de mais de 11 anos, Hélio presenteou as margens com cerca de 170 espécies, escolhidas após pesquisas para entender como era a flora local antes da urbanização. Apesar de a manutenção estar agora a cargo da prefeitura, o empresário continua com o plantio.

Qualidade de vida: as árvores plantadas transformaram a visão do bairro, situado na região de São Paulo que mais carece de áreas verdes e de lazer para sua população.

Menos sujeira: com 3 km de extensão, a faixa reflorestada melhorou o ar na Avenida Governador Carvalho Pinto e garantiu mais proteção e cuidados ao córrego, que deixou de receber lixo.

Outros visitantes: a presença da mata fez o número de frequentadores subir de 200 para mais de 3 mil nos fins de semana. A quantidade e a diversidade de pássaros também aumentaram.”

 

Aqui está o link original do post que saiu no Planeta Sustentável

 

É lindo ver um sonho se tornar realidade! Viva o Hélio da Silva e seu sonho! E a força de vontade de torná-lo realidade!
Que sejamos cada dia mais inspirados a realizar sonhos lindos como esse!

 

Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

 

Beijos floridos de gratidão,
Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde
Conexão com a natureza

Caixa d’água transformada em mini usina hidrelétrica: idéia de brasileiros!

Caixa d’água transformada em mini usina hidrelétrica: idéia de brasileiros!

Achei genial esse sistema criado pelos engenheiros Mauro Serra e Jorgea Marangon. A tecnologia é simples e pode ser utilizada em qualquer caixa d’água, independente de seu tamanho.

“A UGES, Unidade Geradora de Energia Sustentável, transforma a passagem da água que abastece os reservatórios em um sistema gerador de energia. Vale destacar que o consumo diário de água no país é, em média, de 250 litros por pessoa, consumo que é totalmente desperdiçado como forma de energia. Ao desenvolver um sistema que aproveita essa energia, podemos gerar eletricidade, sem emissão de gases e totalmente limpa”, destacou Mauro Serra, em entrevista à Faperj.

A ideia já foi patenteada e logo deve estar disponível no mercado. Além de contar com um sistema instalado dentro do próprio reservatório de água, o UGES também precisa de uma unidade móvel para que seja possível transformar toda a energia captada em eletricidade e assim distribuí-la para o uso doméstico. No entanto, ele não precisa de uma fonte externa de energia para funcionar.

foto: Divulgação

“Ao entrar pela tubulação para abastecer a caixa, a água que vem da rua é pressurizada pelo sistema gerador de energia, passando pela miniusina fixada e angulada na saída de água do reservatório”, explica Serra. Depois disso, a pressão gera energia, que é transformada em eletricidade. O empreendedor explica que a produção é ideal para abastecer lâmpadas, geladeiras, rádios, computadores, ventiladores, entre outros aparelhos domésticos. A energia só não é boa para ser usada em equipamentos de alto consumo, como chuveiros e secadores de cabelo.

foto: Divulgação

Não é possível quantificar com exatidão a produção, pois a variação depende do tamanho da caixa d’água e da quantidade de água consumida. “Se ela for instalada em um sistema de abastecimento de água municipal, poderá, por exemplo, ser dimensionada para gerar energia suficiente para abastecer a iluminação pública. Imagine então esse benefício em certos locais como restaurantes, lavanderias ou mesmo indústrias, onde o consumo de água é grande”, exemplifica o inventor. Outro ponto positivo do sistema é o armazenamento do excedente para uso posterior e a independência – ao menos, parcial – das redes de distribuição.

foto: Divulgação

Precisamos de muitas iniciativas como essa para mudar a nossa maneira de viver e usar os recursos da querida Mãe Terra. Parabéns aos engenheiros pela iniciativa! Desejo todo sucesso para eles!

Fonte: Redação CicloVivo 

 

Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza comentando, curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

 

Beijos floridos de gratidão,

Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde

Conexão com a natureza

O incrível poder de auto regeneração da natureza!

O incrível poder de auto regeneração da natureza!

Fiquei emocionada com o poder da natureza! Quando todas as peças se encaixam, tudo funciona perfeitamente!

“Belíssima exposição sobre Cascata Trófica, numa breve vídeo-aula de Ecologia de Comunidades e Biogeografia, apresentando o caso da reintrodução de lobos no Parque Nacional de Yellowstone:

Para assistir ao vídeo “Como Lobos Transformam Rios” acesse: http://bit.ly/OLRrrc

O original, ‘How Wolves Change Rivers’, de Sustainable Man (http://www.sustainableman.org/https://www.youtube.com/user/TheSustainableMan), foi recebido de Enrique M. B. e agora está legendado em português.

— N.T.: Para os preciosistas, ‘Deer’ aqui foi traduzido como ‘alce’, mesmo que uma tradução mais literal sugira “veado”. Mas talvez tivesse sido mais preciso falar diretamente em Cervidae, de uma vez… Yellowstone conta em sua fauna com o alce (Alces alces), mas também com o Uapiti (Cervus canadensis), Veado-Mula (Odocoileus hemionus), o Veado-de-Cauda-Branca (Odocoileus virginianus)… todos ungulados artiodáctilos ruminantes, com galhadas… rs! ( http://www.nps.gov/yell/naturescience… ) –“

Obs: tanto o texto acima como o vídeo são do canal do aleco2009 no youtube: https://www.youtube.com/user/aleco2009

 

A natureza é realmente mágica e maravilhosa, você não acha?

 

Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

 

Beijos floridos de gratidão,
Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde
Conexão com a natureza