Plantas para dentro de casa

Procurando por plantas para colocar dentro de casa? Para enfeitar seu apartamento ou escritório? Aqui tem muitas sugestões com dicas de cultivo de plantas que gostam de meia sombra

Clúsia: bonita, resistente e super fácil de cultivar!

Clúsia: bonita, resistente e super fácil de cultivar!

Clúsia: bonita, resistente e muito fácil de cultivar! Essa planta é nativa brasileira e fica linda tanto dentro como fora de casa!

Clúsia

Nativa Brasileira

A clúsia é nativa do Brasil, das restingas litorâneas de São Paulo e do Rio de Janeiro, por isso seu nome científico é Clusia fluminensis.

Ela é muito ramificada, com raízes aéreas nos ramos e folhagem muito decorativa. As folhas são opostas, cada par cruzado com outro, verde brilhante, rijas, espessas e ovaladas. Ela aceita bem podas. Já usei a clúsia como cerca viva!

Detalhe das folhas da clúsia

Detalhe das folhas da clúsia

 

Árvore Pequena!

Confesso que achava que a clúsia era um arbusto, mas consultando o livro do Harri Lorenzi para preparar esse vídeo, descobri que ela é uma árvore pequena.

 

Floração

Ela produz flores brancas, de sexo em plantas separadas, que aparecem na primavera e verão. As flores são muito lindas e parecem as flores de cactos.

Essa é a minha clúsia

Essa é a minha clúsia

 

A minha nunca floriu. Acho que devo ter um exemplar macho.

 

Frutos

Os frutos são do tipo capsula ovóide e se abrem na maturação com inúmeras sementes que são muito apreciadas por pássaros.

 

Dicas de Cultivo

A clúsia é uma planta super fácil de cultivar e que fica bem tanto em vaso como no canteiro. É muito cultivada em vasos para terraços e interiores, como também na forma de arbusto isolado ou renque no jardim.

 

Poda

Deve ser podada com certa frequência para evitar o porte arbóreo.

 

Iluminação

Ela fica bem tanto em pleno sol, como na sombra.

 

Ventos

E resiste bem em coberturas, onde bate vento forte. É uma planta bem resistente.

 

Multiplicação

Para multiplicá-la, pode ser através de sementes ou então, mais facilmente por alporquia ou estaquia dos ramos.

 

Adubação

Veja dicas de adubação aqui.

 

INGREDIENTE SECRETO DE CULTIVO

E o lembre-se do ingrediente secreto de cultivo: AAC = atenção + amor + carinho!

 

E aí? Você já cultivou a clúsia? Já tinha reparado nessa planta? Conta para mim nos comentários abaixo.

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

 

Faça parte da minha Lista VIP

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

 

Instagram

Siga-me no instagram. Procure por @nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Beijos floridos com amor, carinho e gratidão da Nô Figueiredo

Guirlanda de flores com "NÔ" escrito no centro

Antúrios: Transplante e Dicas de Cultivo

Antúrios: Transplante e Dicas de Cultivo

Aprenda agora como cultivar antúrios, transplantar e muitas dicas para resolver problemas que possam aparecer nas suas plantas!

Antúrios: Transplante e Dicas de Cultivo

ORIGEM E CARACTERÍSTICAS

Os antúrios são plantas semi-herbáceas, eretas e perenes. São plantas tropicais, originárias da Colômbia, que não gostam de frio. Podem ter de 30cm até 1m de altura e mesmo quando não estão floridos, suas folhagens são muito ornamentais.

 

Sabia que existem 2 tipos de antúrios?

O antúrio comum é uma planta espaçosa. Ela vai abrindo as folhas e se espalhando. Não é uma planta para locais pequenos.

Antúrio comum

Antúrio comum

 

Pensando nisso, os produtores criaram num cultivar menor, o mini antúrio. Ele não cresce como os outros antúrios.

Mini antúrio

Mini antúrio

Os antúrios são plantas bem fáceis de cultivar!

O antúrio gosta de meia sombra, com bastante claridade, mas nunca sol forte direto nele. Ele pode pegar o sol da manhã até no máximo às 9h30/10h da manhã ou o do finalzinho do dia. Nunca aquele sol forte do meio do dia. É uma das poucas plantas que florescem dentro de casa. Saiba mais sobre plantas que florescem dentro de casa.

 

Floração

Suas flores são formadas na primavera e verão e ornadas por espatas sulcadas (que é o que a gente acha que é a flor, mas na verdade é uma bráctea, uma folha modificada para atrair os polinizadores), em diversas cores: brancas, vermelhas brilhantes, cor-de-rosa, cor-de-salmão, vermelho-sanguínea, verdes mais claras que as folhas e novas cores estão surgindo de cruzamentos de espécies.

As flores são super pequenas e ficam nessa espiga ereta, que quando fica estufada está cheia de sementes!

Detalhe da inflorescência do antúrio

Detalhe da inflorescência do antúrio

 

As inflorescências do antúrio são muito utilizadas como flor de corte. Os arranjos ficam muito bonitos e duram bastante.

Onde Cultivar

Os antúrios podem ser cultivados em vasos, em conjuntos isolados ou jardineiras, sempre a meia-sombra, mas com bastante claridade, ou em canteiros com terra vegetal. Ele gosta de ter suas raízes bem aeradas. Então vou testar como eles se desenvolvem nos vasos Xaxim de Palmeira.

 

Parceria com Xaxim de Palmeira

Se você já acompanha o meu canal há algum tempo, sabe que fiz uma parceria com o pessoal da Xaxim de Palmeira e que estou testando os vasos que eles fabricam em algumas plantas. Aqui estão as samambaias e as orquídeas que plantei nos vasos de xaxim de palmeira.

 

Os melhores substitutos para o xaxim original

Para quem está chegando agora, os vasos xaxim de palmeira são os melhores substitutos dos vasos de xaxim originais, que não podem mais ser comercializados por que a samambaia-açu, de onde os vasos eram extraídos está entrando em extinção e o Ibama proibiu sua comercialização.

 

100% naturais

Os vasos Xaxim de Palmeira são 100% naturais, pois são feitos com fibra de palmeiras e seiva de árvore. Eles funcionam como se fossem substratos estruturados, permitindo um perfeito enraizamento das plantas e aumentando a durabilidade da floração.

 

Armazenagem de água

Quanto maior o vaso, maior será sua parede fazendo com que a capacidade de armazenamento da água seja também maior.

 

Não é necessário fazer drenagem!

Importante lembrar que quando se usa os vasos de xaxim de palmeira não é necessário fazer drenagem nos vasos por que as paredes do vaso absorvem o excesso de água da rega. Isso faz com que a gente não precise regar tanto, por que a planta vai ter água e nutrientes disponíveis nas paredes e no fundo do vaso e isso também proporciona isolação térmica para as raízes, evitando stress hídrico. Assim você precisa regar menos vezes!

 

Nem deixar de molho!

Também não é necessário deixar o vaso de xaxim de palmeira de molho de um dia para outro. Podemos plantar direto neles.

 

Não possuem tanino!

E também não é necessário se preocupar com o tanino, por que esses vasos são feitos de fibras de palmeiras, que naturalmente não possuem taninos!

 

Veja no vídeo acima como fazer o transplante.

 

Substrato Biosolvit

Usei o substrato para plantas em geral da Biosolvit, que é a fabricante dos vasos de xaxim de palmeira. Esse substrato cria um ambiente com retenção de água e nutrientes ideal para o desenvolvimento de qualquer planta, além de ter a granulometria exata para melhor aeração das raízes. E ele ainda funciona com adubo, pois como sua decomposição é lenta, ele vai liberando aos poucos nutrientes para as plantas.

 

COMPRE OS VASOS DA XAXIM DE PALMEIRA AQUI.

 

Segredos e Resoluções de Problemas

 

Quer que sua folhagem fique linda e brilhante?

É só manter o substrato úmido na primavera e verão e diminuir a rega no inverno.

 

Tempo quente e seco?

Quando estiver muito quente e seco, borrife água nas folhas, sua planta vai vibrar de alegria com esse banho!

 

Folhas secas e quebradiças?

Se as folhas estiverem secas e quebradiças, aumente as regas e aproveite para dar banhos de água borrifada regularmente nas folhas.

 

Alto e Espigado?

Quando seu antúrio estiver muito alto e espigado, você pode rebaixá-lo dividindo-o em estacas e formando novas mudas. Ele também pode ser multiplicado por sementes e pelas mudas laterais.

 

Manchas Marrons?

Se aparecerem manchas marrons nas folhas é sinal de que elas foram atacadas por fungos. Pode as folhas mais atacadas e aplique vinagre de maçã: 2 colheres de sopa de vinagre de maça para 1/2 litro de água. Misture e borrife. Não dá para guardar. Aplique sempre no final do dia e pelo menos uma vez por semana por três semanas.

 

Pontos brancos nas folhas e axilas?

Se aparecerem pontos brancos nas folhas e axilas, é sinal de que a sua planta está sendo atacada por cochonilhas. Remova-as com cotonetes embebidos em álcool. Ou faça o inseticida de sabão de coco que ensino aqui.

 

Folhas amareladas?

Se as folhas estiverem amareladas é sinal de que a planta está em um local muito frio ou muito úmido. Mude o vaso para um local mais arejado e quente.

 

Folhas novas pequenas?

Se as novas folhas que estão nascendo são pequenas, é sinal de que faltam nutrientes no substrato. A sua planta precisa ser adubada.

 

Raizes expostas?

Se as raizes estiverem expostas, é sinal de que a planta precisa ser transplantada para um vaso maior.

 

Adubação

É bom adubar pelo menos umas 3x por ano com adubação para estimular a floração. Veja aqui a receita.

 

Ingrediente secreto de cultivo

Lembre-se do ingrediente secreto do sucesso de cultivo: AAC. Atenção, amor e carinho!

 

Planta tóxica!

Atenção: todas as partes da planta são tóxicas. Então não deixe-a ao alcance de crianças e animais domésticos.

 

Reaproveitamento

Sabia que a produção dos vasos Xaxim de Palmeira proporciona o reaproveitamento de mais de 120 mil toneladas de fibras de palmeiras que seriam desperdiçadas anualmente nas lavouras sustentáveis? Muito legal reaproveitarem essas fibras para fazer vasos que são verdadeiras casas para as plantas ao mesmo tempo que diminuem o impacto ambiental da produção das palmeiras, né? Acho genial essa ideia deles!

 

Impossível não se apaixonar!

Impossível não se apaixonar por essas flores em formato de coração! Sua folhagem é tão incrível que tem gente que acha que é de plástico! Mas se fosse de plástico, não seria tão vibrante e linda assim…

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

Siga-me no instagram. Procure por nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que nem sempre aparecem aqui! 😉

Beijos floridos com amor, carinho e gratidão da Nô Figueiredo

Guirlanda de flores com "NÔ" escrito no centro

5 plantas pequenas e fáceis de cuidar! Perfeitas para apê!

5 plantas pequenas e fáceis de cuidar! Perfeitas para apê!

5 plantas pequenas, fáceis de cuidar e que ficam bem dentro de casa. Perfeitas para quem não tempo, nem espaço ou está começando a cultivar plantas!

5 plantas pequenas e fáceis de cuidar!

BAMBÚ DA SORTE

O Bambú da sorte, na verdade é uma dracena, a Dracaena sanderiana. Eu sempre tenho várias hastes de bambú da sorte espalhadas pela casa. Elas ficam bem em vasos ou garrafas recicladas com água e duram muitos anos.

Bambú da Sorte na água

Bambú da Sorte na água

 

É a planta mais fácil de cultivar que existe! É só ir trocando a água do vaso ou da garrafinha 1x por semana. Você pode pingar umas 2 ou 3 gotinhas de água sanitária na água para evitar o mosquito da dengue. Essa planta aguenta viver em local com pouca luz, como lavabos e até dentro de escritórios com ar condicionado e luz artificial!

 

JIBÓIA

Outra planta muito fácil de ser cultivada e que cabe em qualquer cantinho, é a jibóia (Epipremnum pinnatum). Ela pode ser conduzida enrolada ou até como planta pendente. Ela não precisa de muita água e nem de muita luminosidade.

Jibóia

Jibóia

 

Saiba mais sobre a jibóia aqui.

 

MINI SAMAMBAIA

E a mini samamabaia havaiana (Nephrolepis exaltata “Marisa”)? Olha que plantinha mais graciosa!

Mini samambaia havaiana

Mini samambaia havaiana

 

Essa da foto acima fica na entrada de casa, dando boas vindas a quem vem me visitar. Essa minha já alguns anos. Assim que comprei transplantei-a para um vaso de barro pequeno (veja aqui) e quando ela começou a crescer mais, transferi para esse vaso que tem uma boca maior. Ela não cresce muito na altura, mas ela vai se espalhando no vaso. Ela gosta de claridade, mas não gosta de sol direto nela. Adora água nas folhas e eu costumo regar de 2 a 3x por semana. Samambaias adoram água da lavagem do arroz. Veja mais dicas de cultivo de samambaias aqui.

 

Fitônia

Fitônias

Fitônias

 

E essas fitônias (Fitonia albivenis)? Lindas demais, cada uma tem um colorido diferente! Sou apaixonada por elas!

Elas também gostam de claridade, mas não gostam de sol direto nelas. Gostam também de solo mantido úmido. Aqui tem mais dicas de cultivo delas.

 

Peperômia

E a 5a planta fácil de cultivar e que cabe em qualquer cantinho é a peperômia. Existem vários tipos de peperômias. Uma mais linda que a outra! Essa de folhas mais duras eu tenho há bastante tempo. Originalmente ela era variegata. Mas ela ficou muito tempo debaixo da minha pérgola e acabou perdendo a variegação. Agora ela está pertinho de uma janela, com mais claridade e as folhas novas estão ficando variegatas novamente!

Peperômia (Peperomia obtusifolia)

Peperômia (Peperomia obtusifolia)

 

Peperômia (Peperomia caperata)

Peperômia (Peperomia caperata)

 

Peperômia (Peperomia caperata)

Peperômia (Peperomia caperata)

 

Peperômia (Peperomia caperata)

Peperômia (Peperomia caperata)

 

Todas elas gostam de solo levemente úmido e de meia sombra. Veja mais dicas de cultivo.

 

Essas peperômias e as fitônias acima eu ganhei do Teo do Mercado Verde!

 

 

Adubação

Todas as plantas acima podem ser adubadas com húmus de minhoca, farinha de casca de ovo, borra de café… Veja mais dicas aqui.

 

Vasos auto-irrigáveis: para quem tem dificuldade com a rega!

Se você costuma esquecer de regar as suas plantas e acaba mantando as pobrezinhas de sede ou então adora regar e acaba matando por excesso de água, sugiro que você use vasos autoirrigáveis. Eles são bem fáceis de usar e a planta vai beber a quantidade que ela precisar de água. Tudo o que você terá que fazer será manter o reservatório cheio de água. O resto a planta faz sozinha. As raízes puxam a água por um processo chamado capilaridade, como se elas estivessem tomando água de canudinho!!!

 

INGREDIENTE SECRETO DE CULTIVO

E o lembre-se do ingrediente secreto de cultivo: AAC = atenção + amor + carinho!

 

Agora não tem desculpa para não ter planta em casa ou no escritório! E aí? Você já cultivou alguma dessas plantas? Que planta você cultiva? Conta para mim nos comentários abaixo do vídeo.

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

 

Faça parte da minha Lista VIP

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

 

Instagram

Siga-me no instagram. Procure por @nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra vasos auto-irrigáveis na loja online Toca do Verde!

Beijos floridos com amor, carinho e gratidão da Nô Figueiredo

Guirlanda de flores com "NÔ" escrito no centro

3 PLANTAS QUE FLORESCEM DENTRO DE CASA

3 PLANTAS QUE FLORESCEM DENTRO DE CASA

Nesse post você irá aprender como cultivar 3 plantas que florescem dentro de casa para ter sempre cor e vida alegrando seu lar!

3 Plantas que Florescem Dentro de Casa

Para quem tem pouco espaço

A primeira planta é para quem não tem muito espaço. Ela é pequeninha e graciosa! É a violeta.

Impossível ficar indiferente às suas delicadas florzinhas. Sou apaixonada por ela desde que era criança. Foi a primeira planta que cultivei.

Violeta

Violeta (Saintpaulia ionantha)

 

A violeta ou violeta-africana (Saintpaulia ionantha)  é uma planta herbácea e perene, que não tem caule. É originária da África tropical. Ela atinge de 15 a 20cm de altura.

 

Folhagem

Suas folhas nascem em roseta, são aveludadas, frágeis, carnosas e ornamentais.

Floração

Floresce durante o ano todo. Ela costuma ser cultivada em vasos ou jardineiras em locais com bastante claridade, luz indireta ou difusa, mas NUNCA no sol.

Substrato e clima

Ela adora substrato com bastante húmus, boa drenagem e mas detesta excesso de umidade. Como é uma planta tropical, também não gosta de baixas temperaturas, nem de geada.

Rega

Ela não gosta de água em sua folhas, por isso, quando for regar, coloque a água no prato, espere uns 15 minutos a planta absorver quantidade necessária e então descarte a água que sobrou.

Multiplicação

Se quiser novas mudas, coloque uma folhinha na terra, que ela logo enraizará e formará uma nova mudinha. Ou então, espere que sua violeta produzirá novos brotos, daí é só transplantá-los para outro vaso e esperar as flores!

Atenção para essas dicas!

Manchas de apodrecimento

Se as folhas e flores estão com manchas de apodrecimento, provavelmente na hora da rega a água deve ter respingado nas folhas e flores. Também pode ser por excesso de umidade. Ao regar, coloque a água no pratinho ou apenas no substrato, evite molhar as folhas e flores. Regue com menos frequência até que a planta se recupere.

 

Folhas enroladas ou ressecadas

Se as folhas estão enroladas ou ressecadas é sinal de falta de umidade. Aumente a frequência da rega e melhore a umidade do ar. Cultivar na janela do banheiro é uma boa ideia, desde que a janela receba bastante luz do sol.

 

Cadê as flores?

Se a sua planta cresce bem mas produz pouca ou nenhuma flor,está faltando comida para ela. Está na hora de adubar… Adube 3x ao ano com a adubação para estimular a floração Veja no vídeo como adubar ou então compre adubo específico para violetas no mercado.

 

Cara pálida?

Se as folhas estão pálidas, pode ser excesso de luz direta ou falta de nutrientes. Mude o vaso para um local mais sombreado e adube.

 

Folhas pequenas

Se há grande quantidade de folhas, mas folhas muito pequenas: sinal de que o vaso já está pequeno demais para a sua planta. Hora de transplantar para um vaso maior, mais largo do que fundo, pois as raízes não são muito profundas.

Prepare um substrato com 2 partes de composto orgânico, 1 parte de terra e 1 de areia grossa de construção. Tome cuidado com as raízes ao retirar a planta do vaso antigo. Veja o passo a passo de como montar um vaso.

 

TRAGA PAZ PARA DENTRO DE CASA!

Outra planta que é linda e floresce dentro de casa é o lírio-da-paz (Spathiphyllum wallisi). Além de ter um nome inspirador, ainda ajuda e purificar o ar.

Lírio-da-paz

Lírio-da-paz (Spathiphyllum wallisi)

 

O lírio-da-paz é uma planta herbácea, perene, vigorosa, rizomatosa, que não tem caule e ereta. É originária do norte da América do Sul, Venezuela e Colômbia e atinge de 30 a 40cm de altura.

 

Folhagem

Suas folhas são muito ornamentais. Elas são brilhantes, não tem pelos e são meio coriáceas, que lembram a textura do couro.

 

Floração

O lírio-da-paz geralmente floresce durante a primavera e o verão. O conjunto branco, que lembra uma bandeira da paz, daí a origem do seu nome popular.

Inflorescência

O que a gente chama de flor, na verdade não é flor, é uma inflorescência, composta por uma espiga central envolvida por uma bráctea (uma folha modificada) branca, que tem como função atrair os polinizadores. Com o tempo essa bráctea branca torna-se verde. Então está na hora dela ser podada. Infelizmente essa inflorescência não tem cheiro.

 

Lírio-da-paz tem cheiro?

Existe uma espécie de lírio-da-paz, o Spathiphyllum cannifolium, cujas inflorescências são brancas por dentro e esverdeadas por fora, que exalam um forte cheiro que lembra o do narciso.

 

Iluminação

O lírio-da-paz uma planta que gosta de meia sombra, então ela vai bem dentro de casa, desde que fique perto de uma janela que receba bastante luz, mas não sol direto nela.

 

Rega

É uma planta que gosta de água. Quando está quente e/ou seco costumo regar umas 3x por semana, e quando está frio e/ou úmido rego de 1 a 2x por semana. O lírio-da-paz mostra bem quando está com sede, então observe a sua planta. Se você notar que ela está meio murcha é porque ela está precisando de água!

Planta toma banho?

Essa planta adora água nas folhas. Uma vez você rega na terra, uma outra vez você rega só as folhas. Principalmente no verão. Isso também ajuda a limpar um pouco as folhas. Porque a planta respira pela folha. Então se você limpar a folha, ela vai conseguir respirar melhor, vai ficar mais feliz.

Horário ideal da rega

Sempre regue ou borrife água nas suas pela manhã até no máximo 9:30/10hrs da manhã ou depois das 16/16h30 da tarde, ou seja, quando o sol já está mais fraco. Se você regar suas plantas no meio do dia, você pode acabar fazendo sopinha de planta!!!

 

Adubação

Você pode adubar a sua planta umas 3x por ano. Coloque 1 colher de adubo ao redor do pé da planta e regue depois, sempre no final do dia. Veja aqui como adubar.

 

Poda

Você pode cortar as folhas e flores secas para deixar sua planta sempre bonita.

 

Cuidado: planta tóxica!

Só tome cuidado com crianças e animais, pois essa planta é tóxica.

 

Cores exuberantes!

E outra planta que adoro e que floresce dentro de casa é o antúrio (Anthurium andreanum)! O antúrio é uma planta semi-herbácea, ereta e perene. É originária da Colômbia, e atinge de 30cm até 1m de altura. Essa planta ocupa um pouco mais de espaço.

Antúrio

Antúrio (Anthurium andreanum)

 

Inflorescências

Suas inflorescências são formadas na primavera e no verão. Como o lírio-da-paz, o que a gente chama de flor, na verdade são espatas sulcadas, brácteas ou folhas modificadas, vistosas e brilhantes, para atrair os polinizadores. A flor é o pitoquinho do centro… A espata pode ser vermelha, cor-de-rosa, salmon, vermelho sanguíneo, meio verde.

Poda

E depois que a inflorescência secar, você deve podá-la. Vá com uma tesoura bem afiada e limpa na base da planta e pode a inflorescência.

Flor durável e de corte

As suas inflorescências também são muito utilizadas como flor de corte. Elas formam arranjos bonitos e duráveis.

 

Fácil de cuidar

É uma planta bem fácil de manter. Ela gosta de meia sombra e não gosta de sol direto. Também não gosta de frio.

 

Substrato

O substrato deve ter bastante matéria orgânica.

 

Dicas de cultivo

Será falta de água?

Se por um acaso as folhas estiverem secas e quebradiças, é sinal de que você esta dando pouca água pra ela. Ela adora receber água nas folhas. Você pode regar as folhas e regar o substrato.

 

Fungos? 

Se aparecerem manchas marrons nas folhas, é sinal de que elas foram atacadas por fungos. Corte as folhas que estiverem mais atacadas e aplique um fungicida. Pode ser vinagre de maçã ou sulfato de cobre. Veja no vídeo como fazer (Vídeo: meus inseticidas caseiros).

 

Pontos brancos?

Se por um acaso aparecerem pontos brancos na folha. É sinal de que a sua planta foi atacada por cochonilhas. Então você pode pegar um cotonete, molhar no álcool. Então passar e remover as cochonilhas da sua planta.

 

Folhas amarelas?

Se as folhas estiverem meio amareladas. É sinal de que sua planta está num lugar muito frio, ou muito úmido. Então mude o vaso pra um lugar mais quente e arejado.

 

Folhas pequenas?

Se as novas folhas que estão nascendo forem muito pequenas, desproporcionais ao tamanho das outras folhas, é sinal de que faltam nutrientes pra sua planta. Veja como adubar plantas que florescem e frutificam.

 

Cuidado: planta tóxica!

Atenção com crianças e animais: todas as partes da planta são tóxicas.

 

INGREDIENTE SECRETO DE CULTIVO

E o lembre-se do ingrediente secreto de cultivo: AAC = atenção + amor + carinho!

 

 

Essas 3 plantas, mesmo quando não estão floridas, possuem folhagem muito ornamental, que também enfeitam a sua casa!

 

E aí? Você já cultivou alguma dessas plantas? Que planta você cultiva dentro da sua casa? Conta para mim nos comentários abaixo do vídeo.

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

 

Faça parte da minha Lista VIP

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

 

Instagram

Siga-me no instagram. Procure por @nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Beijos floridos com amor, carinho e gratidão da Nô Figueiredo

Guirlanda de flores com "NÔ" escrito no centro

Dinheiro-em-penca: como recuperar quando está feia?

Dinheiro-em-penca: como recuperar quando está feia?

Dinheiro-em-penca: aprenda como recuperar e replantar quando a planta está feia, comprida, espichada e sem forma. Aproveite para fazer novos vasos!

Dinheiro-em-penca: como recuperar?

Dinheiro-em-penca

Esse dinheiro-em-penca (Callisia repens), tem as folhas pequenas. É uma planta herbácea suculenta, originária da América tropical e atinge de 5 a 10cm de altura.

Dinheiro-em-penca

Dinheiro-em-penca

 

Flores

Ela produz pequeninas flores brancas que só são notadas quando olhamos com atenção.

 

Ramagem

Sua ramagem é muito ornamental e ela é muito fácil de ser cultivada. Suas folhas são cerosas e pequenas quando jovens e um pouco maiores quando mais adultas.

Essa planta forma um lindo e denso tapete no solo ou no vaso.

Dinheiro-em-penca

Dinheiro-em-penca

 

Hora de replantar!

Com o passar do tempo a planta vai ficando feia, os caules ficam compridos, com folhas só na extremidade, então chegou a hora de replantar.

– Retire toda a planta do vaso. Não se preocupe com raízes.

– Depois faça uma seleção eliminando e podando os ramos secos.

– Afofe bem o substrato e retire uma parte dele, acrescentando um pouco de substrato novo com bastante matéria orgânica

– Coloque os ramos selecionados no vaso ou em vários vasinhos, caso queria fazer várias mudas.

– Coloque mais um pouco de substrato novo e regue bem. Essa planta é bem rústica, pegará logo.

Logo logo nascerão ramos com folhas novas e seu vaso ficará novamente bonito ou você terá novos vasinhos com mudas lindas!

Veja no vídeo acima o passo-a-passo.

 

Existe outro dinheiro-em-penca?

Existe uma outra planta também conhecida popularmente de dinheiro-em-penca, que tem as folhas um pouco maiores que as dessa planta. Se quiser saber mais sobre ela, dá uma olhada nesse post/vídeo aqui.

 

Dicas de cultivo

O dinheiro em penca pode ser cultivado em vasos e jardineiras suspensas como planta pendente ou como forração em canteiros à meia sombra.

Ele gosta de solo rico em matéria orgânica, bem drenado e irrigado periodicamente.

Não gosta de baixas temperaturas nem de geadas.

Multiplica-se facilmente pela ramagem já enraizada e por estacas preparadas em qualquer época do ano, que podem ser plantadas diretamente no local definitivo.

 

 

E aí? O que você achou do dinheiro-em-penca? Já conhecia essa planta? Qual foi sua experiência com ela? Conta para mim nos comentários abaixo.

 

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

Siga-me no instagram. Procure por nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Beijos floridos com amor, carinho e gratidão da Nô Figueiredo

Guirlanda de flores com "NÔ" escrito no centro

Peperômias: saiba tudo sobre elas!

Peperômias: saiba tudo sobre elas!

Peperômias: aprenda todas as dicas de cultivo dessas lindas e gráficas folhagens nessa visita que fiz ao Teo Marques do viveiro Mercado Verde.

Peperômias: saiba tudo sobre elas!

Sabia que as peperômias são plantas nativas do Brasil? Saiba mais sobre elas:

Peperomia argyreia

Peperômia melancia

Peperômia melancia (Peperomia argyreia)

 

Essa peperômia é popularmente conhecida por peperômia melancia, peperômia-zebra ou simplesmente peperômia.

Sua folhagem é muuuuito linda!

A peperômia melancia é uma planta herbácea, perene, nativa da mata atlântica do Brasil e que atinge de 20 a 25cm de altura.

Produz inflorescências no verão, mas elas não são muito bonitas.

Fica linda cultivada em vasos e jardineiras em locais abrigados ou em jardins sob bosques ou à meia sombra.

Gosta de solo rico em matéria orgânica, permeável e irrigado periodicamente.

Não gosta de geadas. Prefere invernos quentes.

Faça mudas dividindo a planta em qualquer época do ano.

 

Peperômia caperata

Peperomia caperata

Mini peperômia (Peperomia caperata)

Peperomia caperata

Mini peperômia (Peperomia caperata)

Peperomia caperata

Mini peperômia (Peperomia caperata)

 

As caperatas também são herbáceas, perenes e eretas. Sua origem é desconhecida. Atinge de 20 a 20cm de altura com folhagem densa e muito ornamental.

As folhas são simples, profundamente sulcadas e podem ser de cor cinza-acobreada, verde-escura e verde-clara e avermelhadas. Existe até uma variegata que tem uma faixa branco-amarelada nas margens.

Suas inflorescências são espigadas e alongadas, de coloração branco-esverdeada, com minúsculas flores e são formadas principalmente no verão.

Geralmente é cultivada em vasos e jardineiras dentro de casa, mas também pode ser plantada em jardins de meia-sombra ou sob bosques, em grupos, formando maciços ou desenhos.

Gosta de terra fértil e bem suprido de água. Não tolera geadas.

Multiplica-se pela divisão da planta mãe.

 

Peperomia magnoliifolia

Peperomia magnoliifolia

Peperomia magnoliifolia

 

Essas peperômias são nativas das regiões tropicais do Brasil! São plantas herbáceas, perenes, suculentas e que atingem de 15 a 25cm de altura.

Suas folhas são carnosas, espessas, côncavas e formam uma folhagem espessa. Existem cultivarem com as folhas avermelhadas e outras amarronzadas, podendo ainda serem tricolores.

Suas inflorescências são no formato de espigas e aparecem solitárias ou aos pares. São claras, finas e alongadas. Formadas principalmente no verão e não são muito ornamentais.

Essas peperômias podem ser cultivadas em vasos e jardineiras dentro de casa ou então em jardins à meia-sombra ou sob bosques, formando maciços e também ficam lindas como bordaduras ao longo de muros ou paredes.

Gostam de terra fértil, rica em húmus e mantida úmida. Não tolera geadas.

Pode-se multiplicá-las por estacas, por divisão da planta e por enraizamento das folhas.

 

Peperomia obtusifolia

Peperomia obtusifolia

Peperômia (Peperomia obtusifolia)

Peperômia (Peperomia obtusifolia)

Peperômia (Peperomia obtusifolia)

 

As peperômias obtusifolias são plantas nativas da América do Sul, incluindo a Mata Atlântica brasileira, que atingem de 20 a 25cm de altura.

São plantas herbáceas, semi-eretas, de caule suculento, pouco ramificado e firme. As folhas são ovaladas, cerosas, carnosas e lisas.

Existem diversas variedades com folhas de cores diferentes, podendo ser: verde-escuras, verde-claras ou amareladas, variegatas com creme, branco ou cinza.

Como as outras peperômias acima, produzem inflorescência espigada terminal, sem valor ornamental.

Ficam lindas em vasos e jardineiras dentro de casa, desde que sejam cultivadas perto de janelas. Pois precisam de bastante claridade. As formas variegatas ficam bem no sol. Elas podem ser cultivadas como plantas pendentes.

No jardim ficam lindas em jardins sob bosques ou à meia-sombra, tanto em grupos como forração (não aceitam pisoteio) bem como bordaduras ao longo de caminhos ou delimitando canteiros.

Gostam de terra vegetal, permeável e mantida úmida. Também não tolera geadas.

Para multiplicá-las, faça estacas com o caule e deixe enraizar num copinho com água.

 

Peperomia serpens

peperomia pendente

Peperomia pendente (Peperomia serpens)

 

Essa é outra linda peperômia, popularmente conhecida por peperômia pendente, peperômia-filodendro ou simplesmente peperômia.

Ela é nativa da América do Sul, incluindo a Amazônia brasileira e a Mata Atlântica da Bahia. É uma planta herbácea, suculenta, perene, prostrada, de ramagem carnosa e muito decorativa!

Suas folhas lembras as folhas dos filodendros, por isso que um dos seus nomes populares é peperômia-filodendro. As folhas são espaçadas com entrenós longos e podem ser verdes escuras, mas as mais cultivadas são verde-claras ou verde-esbranquiçadas com manchas irregulares branco-creme (variegatas).

Quando formam inflorescências, elas são espigadas, longas, terminais, de coloração verde-amarelada e sem importância ornamental.

Essas peperômias são muito cultivadas em vasos e jardineiras suspensas como plantas pendentes dentro de casa, colocadas em locais bem iluminados ou em terraços e varandas. Também podem ser cultivadas em jardins sub-bosques ou jardins de meia-sombra, em patamares e no tronco de árvores como plantas pendentes ou até em canteiros desenhados como forração.

Elas não gostam de geada nem de pisoteio. Mas adoram o clima litorâneo, onde se desenvolvem melhor.

Para multiplicá-las, faça estacas com as pontas dos ramos.

 

O substrato ideal para cultivo de peperômias é o substrato básico ou o simples.

Olha que lindo que ficou esse projeto de jardim vertical onde usei peperômia.

 

Demais essas peperômias, né? Sou apaixonada por elas!

 

Você quer comprar peperômias? Veja aqui os endereços do Mercado Verde:

BOX NA CEAGESP

Endereço: Box 144 / Coluna 60 – Av. Dr. Gastão Vidigal, 1946 – São Paulo / SP

Horário de Atendimento: Terças e Sextas – 00:00h às 09:30h

VIVEIRO EM SÃO PAULO

Endereço: Rua dos Botocudos, 147 – Vila Anastácio – São Paulo / SP

Horário de Atendimento:

Segunda à Sexta – das 07:30h às 17:00h

Sábado – 08:00h às 11:00h

VIVEIRO EM CAMPINAS

Endereço: Estrada Municipal Adelina Segantini Cerqueira Leite, S/N

Chácara São Rafael – Campinas / SP

Horário de Atendimento: necessário agendar visita

 

Whatsapp: + 55 11 947007-8008

e-mail: mercadoverde@mercadoverde.com.br

Site: www.mercadoverde.com.br/

Facebook: https://www.facebook.com/mercadoverdebrasil/

Instagram: https://www.instagram.com/mercado.verde/

 

E aí? Você já conhecia as peperômias? Já tentou cultivar essas plantas? Qual foi a sua experiência com elas? Conta para mim nos comentários abaixo.

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

Siga-me no instagram e no facebook. Procure por nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Beijos floridos com amor, carinho e gratidão da Nô Figueiredo

Guirlanda de flores com "NÔ" escrito no centro