Plantas Medicinais

Jabuticaba: pretinha, docinha e deliciosa!

Jabuticaba: pretinha, docinha e deliciosa!

Aprenda como cultivar jabuticaba, uma frutinha pretinha, docinha e deliciosa, nativa do Brasil e que nasce grudada no pé!

COMO CULTIVAR JABUTICABA

Jabuticabeira

Jabuticabeira (Myrciaria spp.)

ORIGEM

A jabuticaba (Myrciaria spp.), também conhecida por jabuticaba-paulista, jabuticaba-ponhema ou jabuticaba-açu é uma árvore frutífera brasileira e muito cultivada desde os tempos coloniais, principalmente na região Sudeste do nosso país, no sul da Bahia na Mata Atlântica.

 

CARACTERÍSTICAS

É uma árvore semi-decídua, que pode atingir de 3 a 6m de altura. Seu caule é muito lindo. É liso e meio manchado, de um tom pardo-claro. Parece camuflado ou marmorizado e lembra o caule do pau ferro.

Jabuticabeira

Jabuticabeira (Myrciaria spp.)

 

As flores são brancas, pequenas e ficam aglomeradas no caule. São formadas na primavera e verão. Os frutos são redondinhos e pretinhos, com a polpa suculenta branca ou rósea e adocicada. Existem vários cultivares e híbridos. Podem ser consumidos em natura, sucos ou em forma de geléia.

Para multiplicá-la usa-se sementes ou enxertia.

 

PLANTA MEDICINAL

Atualmente a jabuticaba está sendo bastante estudada pois é uma fonte de vários compostos fenólicos (são estruturas químicas presentes em pequenas quantidades, em alimentos de origem vegetal, que podem exercer efeitos preventivos e/ou curativos em distúrbios fisiológicos no ser humano, devido à sua ação antioxidante não enzimática), como flavonoides, antocianinas, taninos, ácidos fenólicos e polifenóis menos conhecidos. Todos esses compostos são encontrados principalmente na casca dos frutos e promovem vários benefícios para a nossa saúde, como controlar ou evitar doenças cardiovasculares, vários tipos de câncer e atividades antioxidantes.

Você pode até fazer suco de jabuticaba. Olha que lindo que fica:

Suco de jabuticaba

Suco de jabuticaba

 

ONDE CULTIVAR

Além de enfeitar qualquer jardim e também pode ser cultivada em vasos. Já plantei várias jabuticabeiras híbridas de pequeno porte em varandas de apartamento aqui em São Paulo e elas frutificam! Desde que recebam várias horas de sol direto. Lembrando que os vasos devem ser grandes, no mínimo 50cm de largura x 50cm de altura, e ter um furo embaixo para que a água da rega possa escoar para fora do vaso. Veja sobre como escolher o melhor vaso.

 

REGA

A única observação ao cultivo é que elas são umas beberronas! Adoram água! Pode regar diariamente! O substrato tem que ser mantido úmido para que elas frutifiquem em abundância.

 

ADUBAÇÃO

E é importante também lembrar de adubar, principalmente se ela estiver em vaso. Faça a adubação para plantas que florescem e frutificam. Aplique essa adubação 2x ao ano. No começo da primavera e do verão. No começo do outono, aplique a adubação pós floração. E uma vez por mês ou a cada 2 meses, aplique húmus de minhoca.

 

POZINHO AMARELO NOS FRUTOS?

Se aparecer um pozinho amarelo nos frutos, é ferrugem. Aplique sulfato de cobre.

 

Muito legal saber que essa frutinha 100% brasileira é tão poderosa, né? Devemos valorizá-la mais! E ai? Você já cultivou a jabuticabeira? Qual foi a sua experiência com ela? Conta para mim nos comentários abaixo.

Você encontra SEMENTES DE FRUTÍFERAS na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Gardênia, o Perfume da China! Aprenda como cultivar!

Gardênia, o Perfume da China! Aprenda como cultivar!

Aprenda como cultivar gardênia, essa linda e perfumada planta originária da China e que ainda é comestível! Você vai se apaixonar por ela!

COMO CULTIVAR GARDÊNIA

Pena que os posts ainda não tem cheiro… Mas vamos brincar de faz de conta. Feche os olhos e imagine que você está sentindo um perfume doce, intenso e muito agradável que essas flores de gardênia estão exalando…

Gardênia (Gardenia jasminoides)

Gardênia (Gardenia jasminoides)

 

A gardênia (Gardenia jasminoidestambém é conhecida por jasmim-do-cabo e flor-do-general.

 

ORIGEM

A gardênia é originária da África do Sul e da China. E os chineses tem verdadeira adoração por essa planta. É muito comum encontrar gardênias enfeitando as casas na China.

 

CARACTERÍSTICAS

É um arbusto perene (que dura muitos anos) semi-lenhoso, que pode atingir de 1,5m a 2m de altura. É ramificado e muito florífero. Mas mesmo quando não está florido assim, ainda é um arbusto bonito. Suas folhas são brilhantes e verde-escuras. No inverno pode perder parte das folhas e ficar meio sem graça, mas depois ele renasce das cinzas e fica lindo!

Gardênia (Gardenia jasminoides)

Gardênia (Gardenia jasminoides)

FLORES

As flores são brancas, cerosas, muito perfumadas e com o tempo tornam-se amareladas. Elas podem ser simples e produzir frutos, o que é raro aqui no Brasil. A tinta extraída dos frutos é utilizada para tingir seda e tem propriedades medicinais, muito utilizada na medicina chinesa.

Aqui cultivamos mais a espécie de flores dobradas como essa, que são estéreis. Essas flores dobradas podem ser grandes com um menor número de pétalas ou menores com maior número de pétalas, em arbustos mais compactos.

Gardênia (Gardenia jasminoides)

Gardênia (Gardenia jasminoides)

 

E as flores fornecem uma essência muito valorizada e apreciada na perfumaria. Lembra o perfume do jasmim.

 

FLORES COMESTÍVEIS!

Suas flores também podem ser consumidas! Sim, essas belas e perfumadas flores podem ser usadas para aromatizar chás e comidas cruas ou em saladas. Podem também ser usadas para picles ou conservadas em mel, onde adicionam um delicioso aroma, muito apreciado na China.

Podemos utilizar as flores para fazer geleias e também salteá-las e comê-las quentes!

As gardênias contribuem para melhorar a qualidade do sono.

 

COMO CULTIVAR

A gardênia pode ser cultivada como planta isolada, em grupos e até em renques. Pode também ser cultivada em vasos, desde que sejam vasos grandes, de no mínimo 50cm de diâmetro x 50cm de altura, para que ela possa se desenvolver bem e te presentear com muitas flores!

 

SOLO, LUMINOSIDADE E CLIMA

Ela gosta de terra fértil e de pleno sol. Aqui perto de casa tenho visto muitas gardênias floridas nas calçadas.

A gardênia aprecia o clima frio e floresce mais intensamente no sul do país.

 

PODA

Após o florescimento, aproveite para fazer uma poda e use as pontas dos ramos para fazer novas mudas.

 

Adoro essas flores comestíveis e que tem propriedades medicinais! A natureza é maravilhosa, né? Sempre nos presenteando com plantas especiais! E você? Você já cultivou a gardênia? Qual foi a sua experiência com ela? Conta para mim nos comentários abaixo.

Você encontra SEMENTES DE FLORES na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Como Cultivar Amora! Uma delícia!

Como Cultivar Amora! Uma delícia!

Você gosta de amora? Aprenda agora como cultivar essa frutinha pretinha, docinha e deliciosa e saiba mais sobre outros usos de linda planta.

COMO CULTIVAR AMORA

A amora (Morus nigra L.), também conhecida por amora-preta, black mulberry, Persian mulberry ou morera negra é uma frutinha exótica, nativa da China e do Japão, mas que se adaptou muito bem na região Sul e Sudeste do Brasil.

 

CARACTERÍSTICAS

Seu tronco é curto e seus ramos são pendentes. Suas folhas são usadas para alimentar o do bicho-da-seda.

É uma árvore caducifólia, isso é, que uma parte do ano perde todas as suas folhas e que pode atingir de 7 a 12m de altura.

 

FLORES E FRUTOS

As inflorescências são formadas em julho e agosto e os frutos, chamados de infrutescências, tem textura suculenta, sabor doce-acidulado e muito agradável e amadurecem na primavera. São geralmente consumidos in natura e em forma de geléia.

Amora (Morus nigra L.)

Amora (Morus nigra L.)

 

PANC

Mas descobri no livro das PANC, que com os frutos também podem ser feitos doces em tabletes (de corte) e em calda, pudim, tortas e cheesecakes (recheios e coberturas), molhos agridoces para pratos salgados e desitratados (passas de amora ou cristalizados) ou totalmente secos e triturados para farinha na forma de pó roxo que pode ser armazenado para usos futuros como corante e saborizador de receitas diversas.

As folhas jovens e brotinhos tenros podem ser branqueados e consumidos como verdura cozida, e combinam super bem com nozes e castanhas. Dá até para fazer sopa!

O chá das folhas da amora é esverdeado, lindo e saboroso, com muitas propriedades medicinais. É usado também como repositor hormonal e para evitar queda de cabelo.

É uma planta que é bastante estudada, pois é muito rica em antocianinas com atividades antioxidantes e em flavonoides, além de possuir alto teor de ácidos graxos linoleico e fontes de minerais.

Conheça outras PANC.

 

ONDE E COMO CULTIVAR

O ideal é que ela seja cultivada diretamente no jardim, em pleno sol e com bastante espaço para que sua copa possa se desenvolver bem e te presentear com muitos frutos! Tem coisa mais gostosa do que comer a fruta no pé? E as crianças adoram amora, é uma frutinha fácil de comer e de arrebatar corações! Para mim tem gostinho de infância: lembro de me entupir de comer amora na chácara dos meus avós e ficar com a boca e as mãos roxas!

Nô Figueiredo colhendo amora

Nô Figueiredo colhendo amora

Nô Figueiredo colhendo amora

Mão roxa de amora da Nô Figueiredo

MULTIPLICAÇÃO

Para multiplicá-la, faça estacas dos ramos jovens, que enraízam facilmente ou por sementes.

 

 

E ai? Você já cultivou a amora? Qual foi a sua experiência com ela? Conta para mim nos comentários abaixo.

Você encontra SEMENTES DE FRUTÍFERAS na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Horta Vertical com 7 Ervas: Olha que legal!

Horta Vertical com 7 Ervas: Olha que legal!

Olha que linda que ficou essa horta vertical com 7 ervas que montei! Super fácil de manter e sem perigo das plantas morrerem por falta de água!

HORTA VERTICAL COM 7 ERVAS

Que delícia que é cultivar ervas em casa e poder deixar os pratos mais saborosos, nutritivos e saudáveis com ervas colhidas na hora!

Se você não tem espaço no chão para cultivar as ervas, não tem problema. Você pode ter uma horta vertical e cultivar várias ervas em vasos!

Para que as ervas se desenvolvam bem, elas precisam de:

  • Espaço para crescer
  • Bastante luminosidade, no mínimo 4 horas de sol direto por dia
  • Bastante água
  • Adubo mensalmente quando estão em vaso ou a cada 2 meses se estiverem no jardim.

 

Olha só que lindos esses vasos! Estou apaixonada por eles! Eles já vem com o nome das ervas e tem um sistema de autoirrigação que torna o cultivo muito mais fácil. E para completar, você pode comprar o kit que vem com a treliça e as argolas para fixação dos vasos, que deixa qualquer parede muito mais charmosa, além de que cabe em qualquer lugar! Você encontra o kit horta vertical com os vasos, as argolas de fixação e a treliça na loja online Toca do Verde!

Horta Vertical 7 ervas

Horta Vertical 7 ervas – foto: Nô Figueiredo

 

As ervas que crescem mais, o alecrim e o manjericão, eu plantei em vasos maiores e as outras em vasos menores.

 

Essas mudas lindas e orgânicas são lá da Sabor de Fazenda e foram cultivadas com todo amor e carinho, mas agora elas já estão apertadas nesses vasinhos e precisam de mais espaço para poder crescer e se desenvolver.

 

SUBSTRATO PARA ERVAS E TEMPEROS

1 medida de terra

1 medida de húmus de minhoca

1 medida de areia para o substrato ficar bem aerado

 

COMO MONTAR OS VASOS AUTOIRRIGÁVEIS

Pegue o vaso, arrume a base transparente, que é onde fica armazenada a água, coloque o caninho que serve para colocar a água e ajeite o barbante que trará a água para as raízes.

Depois coloque uma camada de pedrisco ou argila expandida e um pouco do substrato descrito acima.

Então arrume o barbante para que ele fique parecido com os cabelos do cebolinha e centralize a muda no vaso.

Para finalizar complete com o substrato nas laterais.

Depois encha a parte transparente do vaso com água.

Pronto! Nos primeiros dias é bom regar na parte de cima do vaso até que a planta se adapte ao novo vaso. Depois é só completar sempre que a água estiver acabando no fundo transparente. Perfeito para quem esquece de regar!

 

As 7 ervas que na minha opinião não podem faltar na sua horta são: alecrim, manjericão, salsa, cebolinha, hortelã, orégano e tomilho.

 

ALECRIM

O alecrim (Rosmarinum officinalis) é uma erva aromática perene originária da Europa. Quando plantada no jardim pode atingir até 2m de altura! Como ele cresce muito, usei o vaso maior para que ele tenha bastante espaço para se desenvolver. O alecrim gosta de bastante sol e climas quentes. Solo seco, arenoso e bem drenado.

O alecrim é um ótimo tônico rejuvenescedor do cérebro! Ele melhora a concentração e a memória. Acalma a ansiedade, diminui a depressão e a exaustão. Como ele estimula o fluxo sanguíneo para a cabeça, ele também é ótimo para dor de cabeça, enxaqueca e a tensão muscular. Ele ainda é diurético e intensifica a eliminação de toxinas. É antiinflamatório, alivia a artrite e a gota.

Seu chá quente é ótimo para febre, catarro, dor de garganta, resfriados, gripes e infecções das vias respiratórias.

Com seu chá faça bochechos para aliviar aftas, estomatites e gengivites.

O alecrim também pode e deve ser usado na culinária. Por exemplo: batatas ao forno com alecrim e sal grosso ficam deliciosas e são super fáceis de fazer!

Só não tome seu chá à noite, por que ele é estimulante e você pode ter dificuldades para dormir… E quem tem pressão alta deve evitar.

Saiba mais sobre o alecrim.

 

MANJERICÃO

O manjericão (Ocimum basilicum) é originário da Índia. O manjericão pode atingir até 1m de altura, por isso vou plantá-lo num vaso grande também. Suas flores são comestíveis e ficam agrupadas em inflorescências tipo espigas. Suas sementes também são comestíveis e saborosas. Recomendam podar as espigas de flores quando elas começam a se formar, para que sua planta fique mais cheia.

O manjericão gosta de sol pleno, solo bem drenado e rico em matéria orgânica. Não gosta de clima muito frio. Nem de solo encharcado. O manjericão é uma erva que dura um tempo. Depois de um ano e meio, dois anos mais ou menos ela começa a ficar feia e morre. É normal. Esse é o ciclo de vida dela. Mas não se preocupe. É bem fácil fazer mudas. Pegue um pedaço da ponta do ramo com uns 15 a 20cm de comprimento e deixe num copo com água que logo ele solta raízes e você poderá plantá-lo.

Essa erva aromática é muito saborosa e tem a propriedade de acalmar a mente e trazer paz de espírito. Seu chá funciona como um sedativo leve, combate dores de cabeça, enxaqueca e gastrite. O manjericão também ajuda a eliminar os gases do estômago e dos intestinos. E aumenta a lactação.

Gargarejos e bochechos com o seu chá morno são ótimos para acabar com aftas.

Adoro colocar suas folhas misturadas na salada e comer uma pasta com molho de pesto é uma delícia! Tomate e queijo também combinam maravilhosamente bem com o manjericão. Azeite e vinagre temperados com manjericão são também um sucesso!

Saiba mais sobre o manjericão.

 

HORTELÃ

A hortelã (Mentha piperita) é nativa da Europa e Norte da África. É uma erva é rasteira que se espalha pelo jardim, por isso é muito bom cultivá-la em vaso.

A hortelã gosta de sol direto e solo rico em nutrientes e bem drenado. No inverno ela costuma ficar feia, seca, mas na primavera ela rebrota com força total!

A hortelã é uma erva muito refrescante! No verão é uma delícia tomar água com folhas de hortelã, e mesmo o seu chá quente tem esse efeito refrescante. Essa erva é usada como calmante, para tratar fadiga em geral, má digestão, flatulência, cólicas intestinais e hepáticas, problemas digestivos em geral, prisão de ventre, vômitos e enjoos na gestação, intoxicações, asma, bronquite, sinusite, tosse, gripe, resfriados e febres, dores de dente, nevralgia facial. É também um ótimo vermífugo pois inibe o desenvolvimento dos ovos de lombriga, por isso os árabes sempre colocam hortelã no kibe cru.

O chá gelado é ótimo para aliviar o enjoo, além de ser muito refrescante.

O chá morno pode ser usado para gargarejos e bochechos nas inflamações da boca, gengivas.

Saiba mais sobre a hortelã. 

 

ORÉGANO

Adoro também o ORÉGANO (Origanum vulgare), que é nativo da Europa. Essa planta herbácea e perene, pode atingir até 80cm de altura.

Ele gosta de clima ameno e pleno sol. Solo leve e bem drenado. Propaga-se por sementes, estaquias e divisão de touceiras

O orégano fica ótimo em pratos italianos, com molhos de tomate, queijos e pizzas.

E medicinalmente podemos usá-lo para tratar de distúrbios estomacais, como má digestão, flatulência, problemas menstruais, reumatismo e cólicas. É estimulante e levemente laxativo.

 

TOMILHO

Outra erva que eu adoro é o tomilho (Thymus vulgaris), que também é nativo da Europa. É uma planta semi arbustiva, de ciclo perene, que atinge até 50cm de altura.

Ele gosta de clima temperado e subtropical com bastante sol e não é exigente com relação ao solo. Propaga-se por sementes e estaquia dos ramos jovens.

O tomilho pode e deve ser usado na culinária. Tempera deliciosamente carnes, aves e peixes. E também pratos com tomate e queijos.

Medicinalmente ele tem efeito expectorante, combate a tosse, bronquite crônica, catarro nas vias respiratórias, infecções gerais, inflamações boca e garganta. Ajuda a eliminar gases intestinais. É cicatrizante ajudando nas picadas de insetos, feridas e queimaduras.

 

SALSA

Na horta não pode faltar a salsa, ou salsinha como a gente chama carinhosamente essa erva (Petroselinum sativum), que junto com a cebola e o alho é usada diariamente aqui em casa. Ela é nativa da Europa e Oeste da Ásia. Essa planta tem um ciclo anual. Ou seja, nasce, cresce, se desenvolve, floresce, solta muitas sementes e morre dentro de um ano. Mas como ela solta muitas sementes, sempre tem salsinha na horta. Ela atinge até 45cm de altura e gosta de clima ameno e sol pleno, solo rico em nutrientes e bem drenado. Ela só não gosta é de geadas.

A salsinha também pode ser usada medicinalmente! Seu chá é indicado para cistite, nefrite, inflamação da uretra, icterícia, menstruação difícil, cólicas, hemorragia uterina.

A salsinha tem uma companheira inseparável, que é a cebolinha. As duas foram o que chamamos de cheiro verde, o aroma mais tradicional da culinária brasileira do Sul e Sudeste. No Norte e Nordeste, o coentro é mais usado que a salsinha, mas como eu moro em São Paulo, para mim a salsinha é mais importante que o coentro e não pode faltar na minha horta!

 

CEBOLINHA

E para finalizar, vou plantar a cebolinha (Allium fistulosum), essa erva é bulbosa, perene e de pequeno porte. Provavelmente também é originária da Europa. Seus bulbos são brancos e alongados e suas folhas são verdes, compridas e cilíndricas, como tubos ocos, inflados desde a base. Após um período frio ela emite a inflorescência, com flores de coloração branca-esverdeada.

Ela gosta de solo bem drenado e não suporta o encharcamento. Necessita de sol pleno e tolera geadas pouco intensas. Pode ser cortada muitas vezes, rebrotando com facilidade e rapidez. Multiplica-se por sementes e por divisão de touceiras.

Além de ser muito utilizada como tempero. Ela também é rica em vitamina C, é um bom anti-séptico, é boa para tosse, funciona também como cardiotônica, cicatrizante, diurética, emoliente, estimulante, hipoglicemiante, laxativa. Para gripes e resfriados é ótima também por que é expectorante!

 

COMO FAZER CHÁ DE ERVAS

Para fazer chá dessas ervas, fazemos uma infusão. Fervemos a água e depois colocamos sobre algumas folhas e flores numa xícara de chá e abafando por 5 a 10 minutos para que a planta solte todo o seu poder curativo antes de tomar.

 

IMPORTANTE:

Antes de fazer uso contínuo dessas ervas, converse com o seu médico ou fitoterapeuta.

 

E ai? Você já tem uma horta na sua casa? Você usa as ervas para incrementar os seus pratos e para melhorar a sua saúde? Qual é a sua experiência com elas? Conta para mim nos comentários abaixo do vídeo.

Compre o KIT HORTA VERTICAL com os vasos autoirrigáveis, as argolas de fixação e a treliça na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Tudo sobre a Cúrcuma Comestível!

Tudo sobre a Cúrcuma Comestível!

Aprenda como cultivar, como colher e como usar a cúrcuma comestível com a herborista Sabrina Jeha da Sabor de Fazenda, no vídeo dessa semana.

TUDO SOBRE A CÚRCUMA COMESTÍVEL

CARACTERÍSTICAS DA PLANTA

A cúrcuma (Curcuma longa L.), também conhecida por açafrão-da-terra, açafroa, açafrão-da-índia, falso-açafrão ou turmeric é uma planta herbácea e rizomatosa, originária da Índia.

Ela atinge de 40 a 80cm de altura.

Conheça outras cúrcumas, que são lindas mas não comestíveis.

 

AS FOLHAS

Suas folhas nascem em tufos e no inverno a planta costuma ficar sem folhas.

Raízes e rizomas da cúrcuma

Raízes e rizomas da cúrcuma

 

É UMA PLANTA COMESTÍVEL E MEDICINAL!

Os rizomas (caules subterrâneos) da cúrcuma são amplamente utilizados na culinária, e são geralmente comercializados em pó. É um corante amarelo, rico em curcumina.

É muito usado em curries, mostardas, queijos, manteigas, molho de carnes, picles e até no arroz.

Para consumir os rizomas, lave-os bem e depois fatie-os. Coloque-os para secar em estufas de lâmpadas incadescentes. Depois triture-os no liquidificador e penere.

Podem ser consumidos frescos, descascados e picados ou ralados e adicionados em diversos pratos!

As folhas também podem ser usadas para embrulhar peixe durante o cozimento ou para assar (tipo papelote).

As folhas dão aroma e sabor, além de ser super ecológico usar folhas ao invés de papel de alumínio!

As folhas e rizomas são antioxidantes, anti-inflamatórios e anti-cancerígenos. Podem ser usados para problemas estomacais e para estimular a produção de bile.

A cúrcuma também ajuda a reduzir os índices de colesterol e também ajuda a deixar o sangue mais fluido. E tem sido usada para reduzir os riscos de ataque cardíaco e derrame cerebral.

É usada como suplemento para prevenir e tratar câncer, demência, e muitas doenças auto-imunes.

A curcumina é um anti-oxidante mais poderoso que a vitamina E.

Apesar de não aliviar a dor, seu poder anti-inflamatório é ótimo para artrite e outras doenças inflamatórias como asma e eczemas.

Quando aplicada sobre a pele, ajuda a tratar psoriase e infecções fúngicas, como o pé de atleta, por exemplo.

Veja mais sobre plantas medicinais.

 

ATENÇÃO: Nunca use ervas medicinais sem orientação de um médico ou fitoterapeuta.

 

Rizoma comestível da Cúrcuma

Rizoma comestível da Cúrcuma

 

COMO CULTIVAR

LOCAL DE CULTIVO

O ideal é cultivar em vasos tipo saco para facilitar a colheita. Fica linda também enfeitando o jardim!

LUMINOSIDADE

Deve ser cultivada a pleno sol

SOLO

Gosta de solo rico em matéria orgânica e com boa drenagem

REGA

Não é muito exigente com relação à rega. Regue de 1 a 2x por semana quando estiver frio e/ou úmido e de 2 a 3x por semana quando estiver quente e/ou seco

CLIMA

No inverno perde as folhas

MULTIPLICAÇÃO

Multiplica-se por rizomas, no inverno

 

Visite a Sabor de Fazenda:

http://www.sabordefazenda.com.br/

Loja: Av. Nadir Dias de Figueiredo, 395 – Vila Maria, São Paulo, SP

Tel: +55 (11) 2631-4915

Segunda: das 13h as 17h
Terça a sábado: das 8h as 17h

Instagram: @sabordefazenda

Facebook: SabordeFazendaErvaseTemperos

 

Acho muito legal conhecer mais sobre plantas medicinais! E você? Gostou da cúrcuma? Já tentou cultivar essa planta? Qual foi a sua experiência com ela? Conta para mim aqui nos comentários.

Compre VASOS AUTOIRRIGÁVEIS na Loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Atraia Fadas para o Jardim cultivando o Gervão!

Atraia Fadas para o Jardim cultivando o Gervão!

Já pensou que delícia ter fadas no seu jardim? No vídeo dessa semana fui conversar com a querida herborista Sabrina Jeha da Sabor de Fazenda, onde ela ensina tudo sobre o gervão, para que você possa atrair fadas para viver no seu jardim!

ATRAIA FADAS PARA O SEU JARDIM CULTIVANDO O GERVÃO

CARACTERÍSTICAS DA PLANTA

O gervão (Stachytarpheta cayennensis), também conhecido por gervão-azul, gervão-roxo, gervão-do-campo, rincão, rinchão, gervão-legítimo, falsa-verbena, erva-gervão, aguarapondá, mocotó, verbena-falsa, chá-do-brasil, ervão, orgibão, uregão, urgevão e verbena, é um subarbusto perene, ereto e muito ramificado, que atinge de 40 a 70cm de altura. É nativo do Brasil, onde cresce na beirada das matas.

 

AS FLORES

As flores são o charme dessa planta. Elas nascem diariamente ao longo das inflorêscências em forma de espigas terminais, finas e densas, de 30 a 40cm de comprimento e são de coloração azul arroxeadas. Muito lindinhas e delicadas e aparecem principalmente durante a primavera e o verão. Dizem que as fadas comem essas florzinhas usando palitinhos!!!

Gervão - detalhe da flor

Gervão (Stachytarpheta cayennensis) – detalhe da flor – foto: Nô Figueiredo

 

AS FOLHAS

Suas folhas são secas e levemente endurecidas como a textura do couro, por isso são chamadas de coriáceas. Não possuem pelos, por isso são chamadas de glabras. São um pouco enrugadas pelo sulcamento das nervuras na face superior e são serradas nas margens. Atingem de 6 a 8cm de comprimento.

detalhe folhas gervão

Gervão (Stachytarpheta cayennensis) – detalhe das folhas – foto: Nô Figueiredo

 

É UMA PLANTA MEDICINAL!

O gervão é muito utilizado na medicina tradicional brasileira na forma de chás quentes de suas folhas e de toda parte aérea da planta como tônico estomacal e estimulante das funções gastrointestinais, contra febre, dispepsia, como diurético e emoliente, para problemas hepáticos crônicos, inclusive hepatite e para promover a transpiração.

Há anos é usado contra vermes e parasitas intestinais no Caribe e Jamaica.

Na Índia, o chá quente das suas folhas é usado para tratar disenteria, febres, inflamações reumáticas e externamente, na forma de banhos para tratar úlceras purulentas.

Para tratar prisão do ventre e como estimulante digestivo (estomacal, intestinal e biliar), seu chá costuma ser indicado. Recomenda-se colocar água fervente em 1 xícara de chá contendo 1 colher de sobremesa de folhas fatiadas e tomar 2 vezes ao dia antes das refeições.

Também é usado como xarope, ou seja, chá com açúcar, para tratar febres, resfriados, gripes e bronquite catarral.

E na forma de cataplasma, usando externamente, para feridas, contusões, e afecções de pele como eczemas e erisipela.

 

ATENÇÃO: Nunca use ervas medicinais sem orientação de um médico ou fitoterapeuta.

 

COMO CULTIVAR

LOCAL DE CULTIVO

É uma planta nativa brasileira e muito rústica. Raramente é plantada como ornamental, mas possui imenso potencial. Fica linda em grupos formando maciços isolados ou em canteiros desenhados no meio de grandes gramados. Fica muito bonita também em vasos e jardineiras.

LUMINOSIDADE

Deve ser cultivada a pleno sol.

SOLO

Gosta de solo fértil, drenável, enriquecido com humus

REGA

Não é exigente com relação à rega. deve ser regada a intervalos.

CLIMA

Não tolera geadas. Indicada para regiões tropicais e subtropicais de inverno quente.

MULTIPLICAÇÃO

Multiplica-se por sementes.

 

Você encontra mudas de gervão na Sabor de Fazenda:

http://www.sabordefazenda.com.br/

Loja: Av. Nadir Dias de Figueiredo, 395 – Vila Maria, São Paulo, SP

Tel: +55 (11) 2631-4915

Segunda: das 13h as 17h
Terça a sábado: das 8h as 17h

Instagram: @sabordefazenda

Facebook: SabordeFazendaErvaseTemperos

 

 

E você? Gostou do gervão? Já tentou cultivar essa planta? Qual foi a sua experiência com ela? Conta para mim aqui nos comentários.

Compre VASOS AUTOIRRIGÁVEIS PARA CULTIVAR O GERVÃO na Loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais