Plantas Comestíveis

Morangos: Como Cultivar em Garrafa PET

Morangos: Como Cultivar em Garrafa PET

Aprenda agora como cultivar morangos ao mesmo tempo em que economiza ao reutilizar uma garrafa PET de água de 5 litros como vaso.

Como Cultivar Morangos na Garrafa PET

Dê vida nova à sua garrafa PET!

A ordem do dia é reduzir e reutilizar os recursos, então olha que legal essa ideia de reciclar uma garrafa PET de água para transformá-la em um vaso pendente para cultivar morangos!

Morangos na garrafa PET

Morangos cultivados em garrafa PET

 

 

Você vai precisar de:

1 garrafa PET de 5 litros

3 mudas de morangos (Fragaria vesca)

argila expandida ou isopor picado

O quanto for necessário de substrato, mantendo a seguinte proporção:

1 medida de terra adubada

1 medida de areia de construção

1 medida de húmus de minhoca

 

Modo de fazer:

Faça furos grandes em forma de meia lua em alturas diferentes na garrafa PET para plantar as mudas.

Misture todos os ingredientes do substrato.

Faça furos na base da garrafa PET para escoar a água da rega.

Coloque uma camada de argila expandida no fundo da garrafa. Depois acrescente um pouco de areia de construção sobre a argila e um pouco da mistura do substrato até o primeiro furo.

Coloque a muda e complete de substrato até o próximo furo. Coloque a outra muda e complete com mais substrato até o próximo furo.

Complete com substrato até quase a borda da garrafa.

Regue pela tampa e deixe o vaso num local que receba sol direto.

 

Informações sobre a planta

O morango é originário da Europa e da América. Essa espécie é o Morango silvestre (Fragaria vesca).

O morangueiro é uma planta herbácea, perene, rasteira e selvagem. Sua altura varia de 5 a 40 cm.

 

 

Pseudofruto?

O morango, na verdade não é uma fruta, é um pseudofruto, formado a partir do centro de uma flor fertilizada, que cresceu e se transformou numa massa esponjosa, que é a parte que comemos.

Moranguinho começando a ser formar no centro da flor

Moranguinho começando a ser formar no centro da flor

 

Moranguinho um pouco maior

Moranguinho um pouco maior

 

Os frutos do morango silvestre geralmente são menores do que os que encontramos para comprar nas feiras e mercados.

 

Flores

Suas flores são simples, autoférteis, e na maioria das vezes, brancas, mas podem também ser rosadas.

 

 

Dicas de Cultivo

Luminosidade

O morangueiro deve ser cultivado a pleno sol ou em estufas com bastante claridade.

 

Solo e adubação
Ele gosta de solo fértil, leve, bem drenado, rico em matéria orgânica. Adube com húmus de minhoca regularmente e não deixe faltar água, porém sem encharcar o solo.

 

Clima

Essa planta gosta de clima ameno, frutificando por períodos mais longos durante o outono e o inverno.

 

Onde cultivar

Você pode cultivar morangos em canteiros, vasos, jardineiras, de preferencia altos ou suspensos, para que a planta tenha espaço para soltar os estolões.

 

Multiplicação

Para multiplicá-la, divida os estolões enraizados ou então por sementes, que podem ser retiradas da própria fruta. Por sementes é um método que demora mais tempo, então é necessário também uma boa dose de paciência e nem sempre conseguimos que os frutos sejam iguais ao original. Quando utilizamos os estolões, garantimos que a planta seja igual à planta mãe, já que é um filhote dela.

 

Como consumir

Os morangos são consumidos puros, como frutas, sucos e até em saladas e geléias.

 

Veja aqui mais dicas de cultivo de frutíferas.

 

Difícil alguém não gostar dessa frutinha vermelhinha e azedinha! Eu adoro e você? Gosta de morango? Já cultivou essa planta? Conta para mim qual foi a sua experiência!

 

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

Siga-me no instagram. Procure por nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Zaatar: Direto do Líbano para o Brasil!

Zaatar: Direto do Líbano para o Brasil!

Zaatar: Direto do Líbano para o Brasil com dicas de cultivo e histórias emocionantes da herborista Silvia Jeha da Sabor de Fazenda!

Zaatar: Direto do Líbano para o Brasil!

Zaatar?

Zaatar aqui no Brasil é uma mistura de sumac ou sumagre, gergelim e tomilho ou orégano seco. Só que a Silvia Jeha foi viajar para o Líbano e descobriu uma planta chamada zaatar! Deliciosa! Que lá eles comem fresca e que lembra super o sabor do zaatar da mistura acima.

Zaatar: muda sem flores

Zaatar: muda sem flores

 

Zaatar: muda com flores

Zaatar: muda com flores

Dicas de cultivo

É tudo muito novo. São as primeiras mudas de zaatar da Sabor de Fazenda, então elas ainda estão estudando e conhecendo a planta.

Até agora o que sabem:

É uma planta que gosta de sol e de solo bem drenado.

Não gosta de muita água, nem de solo encharcado e nem de vento.

As sementes ficaram 1 mês na geladeira para quebrar a dormência.

As flores são comestíveis. Mas quando tem flores, as folhas ficam menores por que a força vai toda para as flores.

Não sabem se é uma planta anual ou perene.

O sabor lembra tomilho e orégano.

 

Zaatar: detalhe das folhas

Zaatar: detalhe das folhas

 

Zaatar: detalhe das flores

Zaatar: detalhe das flores

 

 

Conheça outras ervas e temperos.

 

 

Quer saber como a Sílvia conseguiu essas mudas? Ah… veja o video acima que ela conta toda a história! Vale a pena!

 

 

Saiba mais sobre o cultivo dessas e outras ervas no site do viveiro de ervas e temperos orgânicos Sabor de Fazenda:

Sabor de Fazenda:

http://www.sabordefazenda.com.br/

Loja: Av. Nadir Dias de Figueiredo, 395 – Vila Maria, São Paulo, SP

Tel: +55 (11) 2631-4915

Segunda: das 13h as 17h
Terça a sábado: das 8h as 17h

Instagram: @sabordefazenda

Facebook: SabordeFazendaErvaseTemperos

 

 

E aí? O que você achou do zaatar? Já conhecia essa planta? Qual foi sua experiência com ela? Conta para mim nos comentários abaixo.

 

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

Siga-me no instagram. Procure por nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Platycodon: conheça e aprenda a cultivar

Platycodon: conheça e aprenda a cultivar

Platycodon: conheça e aprenda a cultivar essa planta que nos presenteia com lindas flores em forma de campainha ou sinos delicados!

Platycodon: conheça e aprenda a cultivar

Platycodon grandiflorus

Platycodon grandiflorus

 

O platycodon, também é conhecido como Campainha-da-china, Campainha-chinesa, Flor-balão. Seu nome científico é Platycodon grandiflorus, e quer dizer sino largo.

 

Origem e Características

É uma planta herbácea da familia da Campanulaceae e é originária da região leste da Ásia (Japão, China, Coréia). Seu caule é delgado, de porte pequeno, alcançando cerca de 80 cm de altura.

Platycodon grandiflorus

Platycodon grandiflorus

 

Folhas

As folhas são simples, ovaladas a lanceoladas, opostas e com margens denteadas.

Detalhe das folhas do Platycodon grandiflorus

Detalhe das folhas do Platycodon grandiflorus

 

Flores

O florescimento ocorre no verão e no outono e as flores tem forma de campainha, ou sinos, e podem ser azuis, violetas, brancas e rosas, simples ou dobradas.

Detalhe das flores do Platycodon grandiflorus

Detalhe das flores do Platycodon grandiflorus

 

Popularmente é conhecida como flor balão, devido ao formato dos botões serem muito semelhante a um balão. E esses botões balõezinhos se abrem em lindas flores em forma de estrela de 5 pontas e duram de 2 a 3 semanas.

Detalhe dos botões florais em forma de balõezinhos do Platycodon grandiflorus

Detalhe dos botões florais em forma de balõezinhos do Platycodon grandiflorus

 

As flores podem ser utilizadas como flor de corte, pois são relativamente duráveis depois de cortadas, e podem compor lindos arranjos florais.

 

Frutos

Os frutos são do tipo cápsula e devem ser deixados secar na planta, para depois coletas as sementes.

 

Como Cultivar

Clima temperado

É uma planta típica de clima temperado portanto suporta bem baixas temperaturas. A temperatura ideal de cultivo é entre 10 e 30oC. Temperaturas muito altas diminuem a durabilidade das flores.

Apesar de ser uma planta de clima temperado, é uma planta rústica, de baixa manutenção e própria para a formação de bordaduras e maciços, adicionando paz e sofisticação ao jardim graças à sua delicadeza e as cores suaves de suas flores. Pode também ser cultivada em vasos e jardineiras.

 

Iluminação, solo e irrigação

Ela gosta de ficar no sol direto, em solo fértil, leve, bem drenável, enriquecido com matéria orgânica e irrigado regularmente.

Dica: Irrigue sempre que o substrato estiver seco.

Se for cultivar dentro de casa: coloque-a bem perto de uma janela que receba muita luz do sol. Sua durabilidade será menor dentro de casa.

É uma planta perene, mas pode ser que tenha que ser replantada anualmente, caso perca o vigor.

 

Adubação

Para que ela dure mais tempo e te presenteie com muitas flores, faça fertilizações leves semanais para estimular o crescimento e a floração. Eu gosto de colocar húmus de minhoca e 1 x por mês a adubação para estimular a floração que ensinei nesse post.

Aqui vai uma Dica!

Procure sempre remover as flores murchas pois isso proporcionará o aparecimento de novos botões. E corte os ramos que já floriram, estimulando a planta a florescer novamente por duas ou três vezes.

 

Multiplicação

Ela se multiplica por sementes postas a germinar após a última geada ou em ambientes protegidos. Pode-se também dividir a planta para multiplicá-la, tomando cuidado para não machucar as raízes.

 

Alimento e Medicamento?

No Oriente, esta planta é utilizada como alimento, em sopas e saladas, e como medicamento, com propriedades antiinflamatórias, usado no tratamento de afecções respiratórias.

 

Um charme essa planta, né? Estou apaixonada por ela!

 

E aí? Você conhecia o platycodon? Já cultivou essa planta? Conta para mim nos comentários abaixo.

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

Siga-me no instagram. Procure por nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Conheça A Murta: Cultivo, Usos e Benefícios

Conheça A Murta: Cultivo, Usos e Benefícios

Murta: aprenda como cultivá-la e saiba tudo sobre seus usos e benefícios.

Murta

NOMES E CARACTERÍSTICAS

A murta (Murraya paniculata) também conhecida por Murta-de-cheiro, Dama-da-noite, Jasmim-laranja, Murta-da-índia, Murta-dos-jardins é árvore perenifólia (que não perde as folhas), de copa muito ramificada, densa e em forma de globo, com tronco canelado e lenhoso. Ela pode atingir de 5 a 7 metros de altura e é nativa no Sul da Índia.

Murta (Murraya paniculata)

 

Flores

Ela produz flores brancas e branca-cremes, muito perfumadas, que aparecem quase o ano todo. O perfume lembra o perfume do jasmim e flor-de-laranjeira. As flores ficam reunidas na ponta dos ramos. Ela floresce mais quando não é podada como cerca-viva.

Murta - detalhe das flores (Murraya paniculata) - Foto: Nô Figueiredo

Murta – detalhe das flores (Murraya paniculata) – Foto: Nô Figueiredo

 

Frutos

Seus frutos são do tipo baga, vermelhos a alaranjados, lisos e com polpa sucosa, doce e aromática (com sabor pungente), e semente grande. Os pássaros adoram!

Murta - detalhe do fruto (Murraya paniculata) - Foto: Leonardo Ronqui

Murta – detalhe do fruto (Murraya paniculata) – Foto: Leonardo Ronqui

 

CULTIVO

A murta deve ser cultivada a pleno sol, onde floresce mais, ou meia-sombra.

Ela gosta de solo fértil, drenável, enriquecido com matéria orgânica e irrigado periodicamente; principalmente no primeiro ano após o plantio.

Ela gosta de clima tropical, subtropical e mediterrâneo, tolerando o frio moderado, mas não geadas fortes.

Multiplica-se por sementes e por estaquia dos ramos semi-lenhosos. Devido a facilidade de propagação pode tornar-se invasiva.

USOS

É muito utilizada na arborização urbana, como arvoreta, como cerca-viva, formando labirintos em parques e praças e até como folhagem para arranjos florais. Dizem que na Antiguidade, seus ramos floridos eram usados pelas noivas para enfeitar os cabelos ou nos buquês.

 

Cerca-viva

A murta tem crescimento rápido na juventude. Então se for cultivá-la como cerca-viva, prepare-se para podá-la com frequência nos primeiros anos. Depois terá menos trabalho. Na hora de plantar para formar cerca-viva deixe 1 metro de distância entre as mudas.

Murta (Murraya paniculata) - Foto: Nô Figueiredo

Murta (Murraya paniculata) – Foto: Nô Figueiredo

 

Você também pode usar podocarpo ou hibisco para fazer cercas-vivas!

 

Poda

Na primavera faça podas de formação e desfolhamento para estimular a renovação da folhagem e adensamento da planta.

A murta também pode ser usada para a arte do bonsai, pois ela aceita bem as podas, e suas folhas pequenas e floração decorativas são um charme!

Veja mais sobre poda.

 

PANC!

Sabia que suas folhas e flores são comestíveis?!

 

Folhas

Na Índia, onde é nativa, as folhas da murta é muito usada na confecção dos curries indianos. Elas são bem fortes e picantes, portanto coma com moderação.

Murta - detalhe das folhas (Murraya paniculata) - Foto: Nô Figueiredo

Murta – detalhe das folhas (Murraya paniculata) – Foto: Nô Figueiredo

 

Flores

As flores aromáticas são muito usadas para aromatizar chás, podendo ser usadas frescas ou secas, por infusão. E até serem misturadas com outros chás para adicionar aroma e sabor.

As flores também podem ser colocadas em águas em temperatura ambiente para aromatizar.

 

Frutos

Os frutos maduros são comestíveis e podem também ser usados para fazer geleias, sucos, refrescos, sorvetes, sorbet, licores, molhos agridoces e até molhos vermelhos salgados. Podem também ser usados para fazer uma bebida fermentada que fica meio frisante.

Os frutos possuem flavonoides.

 

Veja outras PANCs: Plantas Alimentícias não Convencionais.

PLANTA POLÊMICA!

Existe uma polêmica em torno dessa planta. Ela é parente dos citros, das laranjas, limões e etc e pode hospedar um transmissor de uma doença chamada o Greening dos Citros, que ataca essas plantas. Esta doença causa sérios prejuízos econômicos à citricultura, o que levou algumas cidades a realizarem programas de erradicação da murta-de-cheiro do paisagismo urbano e rural.

Então é melhor não plantar murta em locais onde se cultiva citros comercialmente para evitar confusão.

 

E aí? O que você achou da murta? Já cultivou essa planta? Qual foi sua experiência com ela? Conta para mim nos comentários abaixo.

 

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

Siga-me no instagram e no facebook. Procure por nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Aprenda a fazer Sal de Hibisco e Conheça Tipos Raros

Aprenda a fazer Sal de Hibisco e Conheça Tipos Raros

Aprenda a fazer sal de hibisco e conheça tipos raros nessa conversa que a Nô Figueiredo teve com a Gabriela Pastro no viveiro de ervas e temperos orgânicos Sabor de Fazenda.

Sal de Hibisco e Tipos Raros

No vídeo falamos sobre 3 hibiscos:

 

HIBISCO COMUM

O hibisco que a Gabi chama de hibisco comum, é o hibisco popularmente conhecido por vinagreira, rosela, groselha, groselheira, caruru-azedo e quiabo-azedo.  Seu nome científico é Hibiscus sabdariffa L. O famoso chá de hibisco é feito com suas flores secas. Saiba mais aqui.

 

Hibisco comum (Hibiscus sabdariffa L.) - foto: Leonardo Ronqui

Hibisco comum (Hibiscus sabdariffa L.) – foto: Leonardo Ronqui

 

O hibisco comum é nativo da África e pode atingir de 80 – 1,4m e até 2,5m de altura. É um subarbusto, ereto e anual. Pouco ramificado.

Ele deve ser cultivado a pleno sol. Geralmente é cultivado para fins ornamentais, mas principalmente para produção de frutos, cujos cálices carnosos são consumidos na forma de geléias, sucos e refrescos.

As hastes, folhas jovens e até as sementes também podem ser consumidas. Geralmente cozidas antes.

 

HIBISCO DE FOLHAS ROXAS

O hibisco de folhas roxas é maravilhoso e enfeita qualquer jardim! Ele é popularmente conhecido por vinagreira-roxa, vinagreira, groselheira, rosela, quiabo-azedo e quiabo-roxo. Seu nome científico é Hibiscus acetosella.

Hibiscus acetosella - foto: Leonardo Ronqui

Hibiscus acetosella – foto: Leonardo Ronqui

 

Ele é nativo da África tropical, e pode atingir de 1,5 a 3m de altura. É um arbusto sublenhoso, bienal ou perene (depende da forma de cultivo), ramificado ou de crescimento disperso.

É uma verdura linda e gostosa. Suas folhas são de um vermelho intenso, meio bordô e até arroxeadas. As folhas jovens são tenras, suculentas e ligeiramente ácidas. Podem ser consumidas cruas, em saladas, chás e sucos, geléias e molhos. Podem também fazer um frisante e cozidas com carnes.

Cozinhe as folhas com arroz para deixá-lo avermelhado e com um sabor muito agradável, ligeiramente ácido.

Toda a planta tem potencial antioxidante.

 

HIBISCO DE FLOR ROXA

hibisco flor roxa (Hibiscus cannabinus) - foto: Leonardo Ronqui

Hibisco flor roxa (Hibiscus cannabinus) – foto: Leonardo Ronqui

 

COMO CULTIVAR

Os hibiscos podem se comportar como plantas anuais ou bianuas, ou seja, possuem um tempo de vida de 1-2 anos.

Podem ser cultivados também de forma ornamental, isolado ou em grupos, a pleno sol, bem como para a produção de cálices ou folhas para serem utilizados na culinária.

São plantas rústicas não requerendo muitos cuidados no cultivo, preocupe-se apenas em oferecer terra leve e rica em matéria orgânica.

São suscetíveis a fungos, principalmente o Hisbiscus sabdariffa e pulgões e cochonilhas, principalmente o Hibiscus cannabinus. Veja receitas de inseticidas caseiros.

Multiplicam-se por sementes ou estaquia.

 

SAL DE HIBISCO

Sal de hibisco - foto: Leonardo Ronqui

Sal de hibisco – foto: Leonardo Ronqui

 

Ingredientes:

1/2 xícara de sal marinho

1 xícara de flores de hibisco (Hibiscus sabdariffa L.) secas

 

Modo de fazer:

Bata tudo no liquidificador ou no processador e depois coloque num potinho com tampa. Dura 6 meses.

 

Obs: Se utilizar flores frescas, o sal ficará em forma de pasta e deverá ser guardado na geladeira. Ou então pode ser colocado numa forma e levado ao forno para secar.

 

Para secar as flores, utilize papel de seda.

 

Saiba mais sobre as PANC.

 

Conheça outros tipos de hibiscos.

 

 

Visite a Sabor de Fazenda:

http://www.sabordefazenda.com.br/

Loja: Av. Nadir Dias de Figueiredo, 395 – Vila Maria, São Paulo, SP

Tel: +55 (11) 2631-4915

Segunda: das 13h as 17h
Terça a sábado: das 8h as 17h

Instagram: @sabordefazenda

Facebook: SabordeFazendaErvaseTemperos

 

 

E você? Gostou de conhecer esses outros hibiscos? Já tentou cultivar algum deles? Qual foi a sua experiência? Conta para mim nos comentários abaixo.

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

Siga-me no instagram e no facebook. Procure por nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais

Conheça o coentrão e aprenda como cultivá-lo!

Conheça o coentrão e aprenda como cultivá-lo!

Conheça o coentrão e aprenda como cultivá-lo com as dicas da querida herborista Sabrina Jeha nessa visita que a Nô Figueiredo fez no Sabor de Fazenda.

Conheça o coentrão e aprenda como cultivá-lo!

Nessa visita que fiz no viveiro Sabor de Fazenda, conversei com a querida Sabrina Jeha, herborista e uma das sócias, onde ela contou tudo sobre o coentrão (Eryngium foetidum), também conhecido por Chicória de Caboclo, Coentro Selvagem e Chicória do Pará.

 

ORIGEM E CARACTERÍSTICAS

O coentrão é uma planta herbácea, bianual ou perene, bastante resistente, aromática, ramificada e nativa da região Amazônica e toda América Tropical.

 

FOLHAS

As folhas são simples, opostas, serrilhadas e podem atingir de 4 a 10cm de comprimento.

Mudas de coentrão (Eryngium foetidum) - foto: Leonardo Ronqui

Mudas de coentrão (Eryngium foetidum) – foto: Leonardo Ronqui

 

FLORES

Suas flores são esverdeadas, pequenas e com brácteas espinhudas. É recomendável podar as flores para que a planta dure mais.

Flores de coentrão (Eryngium foetidum) - foto: Leonardo Ronqui

Flores de coentrão (Eryngium foetidum) – foto: Leonardo Ronqui

 

COMO CULTIVAR

Gosta de pleno sol.

Pode ser cultivada em vasos ou diretamente no jardim.

Aprecia substrato com muita matéria orgânica.

Regue a intervalos.

Multiplique usando sementes ou divisão de touceira.

 

Quer aprender como cultivar coentro? Dá uma olhada aqui.

 

Saiba mais sobre as PANC – Plantas Alimentícias não Convencionais.

 

PROPRIEDADES

Suas folhas são ricas em ferro e cálcio, além de carotenoides e riboflavina e são muito utlizadas como tempero ou como verdura.

As raízes também podem ser usadas como tempero de sopas, carnes e peixes.

 

 

Você encontra mudas de coentrão na Sabor de Fazenda:

http://www.sabordefazenda.com.br/

Loja: Av. Nadir Dias de Figueiredo, 395 – Vila Maria, São Paulo, SP

Tel: +55 (11) 2631-4915

Segunda: das 13h as 17h
Terça a sábado: das 8h as 17h

Instagram: @sabordefazenda

Facebook: SabordeFazendaErvaseTemperos

 

 

E aí? O que você achou do coentrão? Já conhecia essa planta? Já comeu? Já cultivou? Conta para mim nos comentários abaixo.

 

ENTRE EM CONTATO COMIGO:

Sempre que você quiser entrar em contato comigo, é só escrever para: falecom@nofigueiredo.com.br e mandar fotos das plantas ou as suas dúvidas que eu respondo. Não respondo sempre de imediato, tá? Porque nem sempre eu consigo. Mas assim que eu tiver um tempinho eu sempre respondo, com certeza!

E você também pode se inscrever aqui no site e fazer parte da minha lista VIP. Veja no final do post do lado direito da tela. Toda semana você irá receber uma newsletter com as novidades e poderá responder à newsletter com as suas dúvidas e sugestões.

Siga-me no instagram e no facebook. Procure por nofigueiredo1 e veja fotos e vídeos que não posto aqui! 😉

Você encontra sementes de coentro na loja online Toca do Verde!

Kit joaNinho

Acompanhe o ciclo de vida das joaninhas e depois solte-as na natureza!

Hotel dos insetos

Hospede insetos amigos das plantas no seu jardim. Use cupom NOFIGUEIREDO para ganhar 5% de desconto.

Você encontra tudo para jardinagem na loja online Plantei.

Use o cupom VIMDANO para ganhar 5% de desconto na sua primeira compra.

Siga a Nô nas redes sociais