Adoro hortelã, essa deliciosa e refrescante erva aromática. No vídeo eu ensino tudo o que aprendi sobre ela:

 

HORTELÃ – Mentha piperita l

Modo de cultivo:

Luminosidade: sol pleno

Solo: rico em nutrientes, bem drenado

Plantio: Essa erva é rasteira e se espalha. Se for plantada no canteiro, fazer uma contenção para ela não se alastrar demais. Ou plante-a em vaso

Rega: 3x por semana quando quente/seco e 2 por semana quando frio/úmido.

Colheita: colhe-se algumas as pontas do ramos com folhas

Indicação de uso: usada como calmante, no tratamento de fadiga geral, má digestão, flatulência, cólicas intestinais e hepáticas, aumenta a produção e circulação da bílis (problemas digestivos em geral), prisão de ventre, vômitos e enjoos na gestação, intoxicações, asma, bronquite, sinusite, tosse, gripe, resfriados e febres, dores de dente, nevralgia facial, vermes intestinais (giárdia e tênia). Ótimo vermífugo pois inibe o desenvolvimento dos ovos de lombriga.

Como fazer o chá: chá do tipo infusão – ferve-se a água e coloca-se umas 3 a 4 folhas para uma xícara média e abafa-se por 5 a 10 minutos e toma. Tomar 3 xícaras por dia.

O chá gelado é ótimo para aliviar o enjoo.

O chá morno pode ser usado para gargarejos e bochechos nas inflamações da boca, gengivas e mesmo de ferimentos, contusões e pruridos.

Aqui tem mais info sobre CULTIVO DE HORTELÃ.

 

 

Gostou do post? Do site? Conecte-se com a natureza curtindo e compartilhando meus posts e vídeos nas redes sociais! Eu te agradeço!

 

Beijos floridos de gratidão,
Nô Figueiredo – A Menina do Dedo Verde
Conexão com a natureza